segunda-feira, 31 de julho de 2006

A cozinha e a arte

Natureza morta com laranjas, 1913
Henri Matisse

Este quadro foi pintado por Matisse durante a sua estada em Marrocos. Seria comprado por Picasso trinta anos depois.

sábado, 29 de julho de 2006

Hoje o meu almoço foi ...


Viver no centro de Lisboa e ter um pequeno quintal onde, em tempo quente, se fazem uns grelhados é, para mim, um grande privilégio.

Hoje pela manhã fui à praça, comprei sardinhas bem fresquinhas, ainda "sem gravata", expressão usada pelo meu pai que me ensinou a identificar as sardinhas frescas daquelas que o não são.

Para acompanhar as sardinhas cozi batatas pequenas com pele, pois são mais saborosas e fiz uma boa salada de tomate, alface, pepino e pimento assado, mas acabei por juntar também um pouco de couve rouxa.

Durante o verão, a sardinha é o peixe preferido para os grelhados cá em casa.

sexta-feira, 28 de julho de 2006

Cação Crioulo

Ingredientes:
1 kg de cação partido em pedaços e já previamente preparado
2 cebolas médias picadas
4 dentes de alho picados
1 colher de sopa de caril
Sal & pimenta
Azeite
Pão ralado e salsa picada

Untar um pirex com azeite, espalhar as cebolas misturadas com os alhos picados e em cima colocar as postas do cação.

Temperar com o caril, sal e pimenta a gosto. Regar com 5 colheres de sopa de azeite. Levar a forno brando. Passados 10 minutos retira-se e cobre-se com o molho de tomate e polvilha-se com pão ralado. Volta ao forno para acabar a cozedura. À saída deita-se um pouco de sumo de limão, a gosto e salpica-se com salsa picada.

Para o molho de tomate:
4 tomates maduros médios sem pele e sem sementes
1 pimento verde
1/2 pimento vermelho assado
10 azeitonas grandes verdes sem caroço
2 colheres de chá de ketchup

Colocar os ingredientes cortados aos pedaços num recipiente, juntar o ketchup e triturar tudo muito bem.

Acompanha-se com arroz branco. Neste prato, o molho faz a diferença.


P.S. Receita inspirada no Cação Crioulo de "O Livro de Pantagruel" de Bertha Rosa-Limpo.

Pepino



Não acham que este pepino mais parece um ponto de interrogação?

terça-feira, 25 de julho de 2006

Bolo de legumes

Ingredientes:
450g de courgete
150g de cenoura
100g de funcho
6 colheres de sopa de azeite
1,5 dl de leite
80g de queijo da ilha ralado
350g de farinha
5 ovos
1 colher de chá de pó royal
1 colher de chá de cominhos em pó
Sal

Cortar os legumes em cubinhos e leve a refogar no azeite, em lume brando, até a água dos vegetais se ter evaporado.

Bater os ovos com o sal. Incorporar o leite batendo sempre.

Escorrer o azeite dos legumes para dentro da mistura leite e ovos, mexendo sempre. Adicionar a farinha já misturada com o fermento, os legumes, o queijo, a pimenta e os cominhos. Bater bem o preparado.

Colocar a massa numa forma de bolo inglês untada e polvilhada com farinha. Levar a cozer.

Verificar a cozedura espetando um palito ou uma massa esparguete.

Este bolo é óptimo e os cominhos dão-lhe um sabor exótico.


P.S. Receita inspirada numa da revista Saberes & Sabores Nº 51, Maio de 1998.

sábado, 22 de julho de 2006

Gâteau Lawrence


Bolo:
180g de chocolate preto (70% de cacau)
175g de margarina amolecida
125g de açúcar não refinado (usei açúcar mascavado escuro)
200g de amêndoa ralada
4 ovos separados

Cobertura:
100g de chocolate preto (70% de cacau)
50g de margarina


1. Derreter o chocolate em banho-maria. Bater a manteiga com o açúcar, até obter uma massa macia e cremosa. Incorporar a amêndoa ralada, as gemas de ovo e o chocolate derretido e bater bem.

2. Bater as claras em castelo e adicione-as, rapidamente, ao preparado anterior com uma colher de metal.

3. Leve a cozer numa forma forrada com papel vegetal. Depois de cozido deixe arrefecer um pouco o bolo antes de o desenformar.

4. Para a cobertura derreta o chocolate e a margarina em banho-maria e espalhe sobre o bolo. Deixe solidificar.


Esta receita é do livro A Cozinha Francesa da escritora Joanne Harris.

O chocolate com 70% de cacau dá-lhe um sabor intenso e daí o bolo ser mais escuro que um outro bolo de chocolate. A amêndoa deixa-o com uma consistência húmida. Este bolo é um verdadeiro pecado de sabor!

Este bolo coze-se em pouco tempo, é conveniente ir vigiando a cozedura. Cá em casa, os cozinhados são feitos em forno a gaz e, portanto não coloco nas receitas o tempo de cozedura, pois não consigo controlar eficazmente a temperatura e consequentemente o tempo de cozedura.

segunda-feira, 17 de julho de 2006

Lombo de porco assado

Temperar o lombo com 3 dentes de alho picados, 2 folhas de louro, sal, colorau e pimenta a gosto. Regar com vinho branco (até tapar a carne) e deixar a marinar 3 a 4 horas, ou de um dia para o outro.

Colocar o lombo e o molho num recipiente que possa ir ao forno. Regar com um pouco de azeite.

Colocar no forno e deixar cozinhar. Virar o lombo de vez em quando para que a parte de cima não fique queimada.

quarta-feira, 12 de julho de 2006

Ovos mexidos com Delícias do Mar

Ingredientes:
6 ovos
meia embalagem de delícias do mar
Queijo Mozzarella ralado
Sal & pimenta
Margarina q.b.

Bater os ovos. De seguida juntar as delícias do mar cortadas, o queijo mozzarella (a gosto), sal e pimenta. Bater mais um pouco.

Levar ao lume uma frigideira com margarina, quando estiver derretida juntar o preparado anterior e deixar cozinhar. Controlar a cozedura para que os ovos fiquem suculentos e não demasiado cozinhados.

Como refeição, servir com arroz e salada.

segunda-feira, 10 de julho de 2006

Bombocado de fubá

Ingredientes:
1 lata de leite de coco
1 lata de leite condensado
1 lata (medida do leite condensado) de leite
2 colheres de sopa de fubá (farinha de milho)
2 colheres de sopa de manteiga
1 colher de chá de pó royal
4 ovos

Bater tudo no copo misturador. Colocar o preparado numa forma previamente untada e levar ao forno quente.

Quando estiver corado, colocar açúcar refinado por cima e deixar acabar de cozer.

Este doce brasileiro é uma verdadeira delícia. Não aconselhável a pessoas em dieta!

P.s. Um beijinho especial à Ana Paula e à sua mãe Marli.

quinta-feira, 6 de julho de 2006

Cannelloni com espinafres

Ingredientes:
1 molho de espinafres
2 requeijões
2 dentes de alho
4 colheres de sopa de azeite
3 dl de molho bechamel
1 embalagem de cannelloni
Queijo Mozzarella
1 ramo de salsa picada
Sal & pimenta

Cozer as folhas de espinafre. Depois de cozidas, escorrer e picá-las. Juntar o requeijão desfeito com um garfo e os alhos picados. Temperar com sal e pimenta.

Acrescentar o azeite e molho béchamel (aprox. 1 dl). Misturar bem de modo a obter uma massa homógenea.

Rechear os cannelloni com o preparado anterior. Colocá-los num tabuleiro untado com margarina. Cubrir com o restante molho béchamel e o queijo mozzarella. Levar ao forno até começar a ficar dourado.

Servir com salsa picada.

São óptimos. Comem-se mesmo sem vontade.


Receita inspirada na Revista Vegetariana de Abril de 2006.

quarta-feira, 5 de julho de 2006

Doce rápido de ananás

Ingredientes:
1 lata de ananás
2 pacotes de natas
1 lata de leite condensado
1 pacote de bolachas de chocolate

Picar as bolachas. Usei um pacote de Filipinos.

Desfazer, com as mãos, as rodelas de anánas em pedaços pequenos. Esta operação é quase como se estivessemos a esmagar o ananás. Deixar a escorrer.

Colocar as natas no congelador meia hora antes de bater. Bater as natas até obter um chantilly consistente.

Juntar todos os ingredientes e reservar no frigorífico, pelo menos duas horas antes de servir.

Este doce é receita da Ana Paula Assis. É um delícia. Óptimo para esta altura do ano.

segunda-feira, 3 de julho de 2006

Sopa de feijão verde sem batata


Ingredientes:
2,5 L de água
1,500 Kg de courgete sem casca
400g de cenoura (5 cenouras)
1 cebola grande
400g de abóbora
Feijão verde cortado fininho
Azeite & sal

Colocar a água numa panela e levar ao lume. Quando ferver juntar os vegetais (à excepção do feijão) e temperar com sal. Quando estiver cozido, triturar tudo muito bem.

Levar novamente ao lume, temperar com azeite e, se necessário um pouco mais de sal. Quando ferver juntar o feijão verde. Deixar cozer.

Esta sopa é óptima para manter a linha. E quem não sabe, nem se apercebe que não tem batata.