segunda-feira, 25 de Junho de 2007

Lombinho de porco com guisadinho de favas

Ingredientes:
800 g de lombinhos de porco
4 dentes de alho
400 g de favas
1 dl de azeite
5 tomates maduros
2 cebolas
1 nozinha de banha de porco
2 folhas de louro
2 dl de vinho branco
2 maçãs reineta
2 colheres de sopa de açúcar
Massa de pimentão
Sal & pimenta

1. Temperar os lombinhos com a massa de pimentão, dois dentes de alho esmagados, sal e pimenta. Reservar.

2. Cozer ligeiramente as favas. Retirar. Escorrê-las e descascá-las.

3. Cortar os lombinhos em rodelas. Fritar os lombinhos no azeite. Depois de fritos, reserve.

4. Pelar e limpar os tomates. Cortá-los em cubos e reservar.

5. Picar as cebolas e os alhos. Refogá-los com a banha e as folhas de louro. Temperar com sal e pimenta. Refrescar com o vinho branco e adicionar as favas.

6. Deixe apurar em lume brando. Ao retirar do lume juntar o tomate. Rectificar os temperos.

7. Descascar as maçãs, retirar-lhes o caroço e cortá-las em pequenos cubos. Colocar os pedaços de maçã num pequeno tacho com o açúcar e o pau de canela. Deixar cozinhar a maçã em lume brando, com o tacho tapado. Assim que a maçã estiver cozida, retire e triture.

Servir os lombinhos com o guisado de favas e o puré de maçã. Uma delícia.

P.S. Receita da revista Mulher Moderna, Nº 134 de Maio de 2007.

terça-feira, 19 de Junho de 2007

Migas de Bacalhau

Ingredientes:
1 posta grande de bacalhau
2 ovos
250 g de pão duro
4 dentes de alho
1 cebola grande
Azeite
Sal e pimenta
Água

1. Cozer a posta de bacalhau e reservar a água.

2. Desfiar o bacalhau e reservar.

3. Cortar o pão em fatias finas e colocá-lo num tacho ou frigideira funda.

4. Levar ao lume uma frigideira com azeite, a cebola cortada em meias luas e 2 dentes de alho esburrachados. Temperar com sal e pimenta a gosto. Quando a cebola estiver refogada retirar do lume.

5. Juntar o bacalhau desfiado à cebolada.

6. Colocar o excesso de azeite da cebolada no pão fatiado.

7. Voltar a ferver a água de cozedura do bacalhau, agora com um fio de azeite e os dois dentes de alho esmagados.

8. Despejar a água no pão aos poucos de modo a ensopá-lo e desfazê-lo. É importante ir mexendo sempre.

9. Juntar dois ovos mexidos. Mexer o preparado muito bem.

10. Levar as migas ao lume. Temperar com sal e pimenta. Ir mexendo sempre bem.

11. Adicionar um ramo de coentros picados. Mexer e retirar do lume.

12. Dispor as migas no prato e, por cima, o bacalhau misturado com a cebolada.

Associo sempre as migas à cozinha alentejana, que soube aliar grandes sabores a simples ingredientes. As migas, na minha opinião, são um prato quente mais apropriado para os dias mais frios. Mas este mês de junho não nada solarengo e, como tinha um resto de pão no frigorífico, que ninguém já ia comer de tão duro que estava, resolvi aproveitá-lo para estas migas. E fiz bem, porque adorámos.


sábado, 16 de Junho de 2007

Lombo de porco à Frei António

Ingredientes:
1 kg de lombo de porco
3 dl de cerveja
3 cebolas médias
2 colheres de sopa de banha
6 cravinhos da Índia
2 folhas de louro
4 dentes de alho
2 colheres de chá de colorau
Azeite
Sal
Pimenta
1 colher de chá de mostarda (ou molho de mostarda)
1 colher de chá de farinha Maisena
2 laranjas

1. Preparar uma pasta com a banha, os dentes de alho picadinhos, o louro, o colorau, o sal e a pimenta.

2. Com esta pasta barrar muito bem o pedaço de lombo de porco e colocá-lo numa assadeira de barro.

3. Descascar as cebolas e cortá-las em quartos. Colocar os cravinhos nos pedaços de cebola e dispô-los em volta da carne.

4. Regar a carne com 2 dl de cerveja e deixar estar a tomar gosto durante 30 minutos.

5. Antes de ir ao forno, regar a carne com um pouco de azeite.

6. Quando a carne estiver assada, retirar o molho e as cebolas. Manter a carne dentro do forno apagado para não arrefecer.

7. Ao molho, retiram-se os cravinhos e o louro. Tritura-se.

8. Numa tigela, misturar a farinha Maisena, a mostarda e a cerveja. Mexer muito bem.

9. Levar o molho da carne ao lume e juntar aos poucos o preparado com a farinha Maisena. Mexer bem e deixar apurar um pouco.

10. Cortar o lombo às fatias e servir com legumes cozidos, gomos de laranja e o molho.

Esta receita faz parte de uma herança. Quando uma das minhas avós faleceu, descobri dentro de uma caixa de sapatos, pronta para ir para o lixo, diversos recortes de jornais. Curiosa, remexi a caixa e descobri centenas de receitas. Na altura não tinha blogue e nem sabia o que isso era. No entanto, guardei esses recortes com os quais fui criando um caderno de receitas. Infelizmente, na altura não liguei às referências bibliográficas e não sei, nem a data nem o jornal, onde a receita foi publicada. Se alguém souber, agradeço que me informe!

Este lombo de porco é muito delicioso. O molho é o segredo deste prato.

quinta-feira, 14 de Junho de 2007

Tajine de vaca

Sinto um certo fascínio pela cozinha Marroquina. Talvez seja o exostismo, a mistura de sabores e aromas, não sei ao certo.

A primeira vez que entrei em contacto com a cozinha marroquina foi através do restaurante, no Bairro Alto, Ali Há Papas. Na altura comi um prato de borrego com amêndoas, ameixas e cuscuz, que adorei.

A receita que aqui vos apresento foi o primeiro prato da cozinha marroquina que confeccionei.


Ingredientes:
Carne de vaca limpa de gorduras (aprox. 1 kg)
3 cebolas
5 dentes de alho
10 colheres de sopa de azeite
1 lata de tomate em pedaços
Sal
Pimenta
1 colher de chá de canela
1 colher de chá de cominhos
3 cabeças de cravinho
1 colher de sopa de caril
2 dl de água (aprox.)
1 lata pequena de corações de alcachofra
1 beringela
1/2 limão
Coentros picados

1. Cortar a carne aos cubos.

2. Descascar e cortar as cebolas em meias luas.

3. Esborrachar os dentes de alho.

4. Colocar o azeite numa tajine (usei um tacho) e levar ao lume. Juntar a carne e deixar alourar de todos os lados.

5. Adicionar os dentes de alho esborrachados, a cebola, o tomate e a beringela cortada aos cubos.

6. Temperar com sal, pimenta, canela, cravinho e o caril.

7. Regar com a água a ferver. Tapar e deixar cozinhar sobre lume brando até a carne estar macia.

8. Escorrer os corações de alcachofra e cortá-los em quartos.

9. Cortar o limão em rodelas finas.

10. Juntar as rodelas de limão e as alcachofras ao cozinhado. Perfumar generosamente com coentros picados e deixar levantar fervura.

11. Servir com cuscuz.

Para confeccionar os cuscuz:

Ingredientes:
4 dl de água
2 saquetas de chá verde
1 courgette
250 g de cuscuz
1/2 pimento vermelho
Azeite
Sal
Pimenta

1. Ferver a água e deitar sobre as saquetas de chá verde. Deixar em infusão 5 a 6 minutos.

2. Lavar e cortar a courgette em cubos.

3. Lavar e cortar o pimento em cubos. Eliminar todas as partes brancas e sementes.

4. Colocar os cuscuz num recipiente largo e fundo. Escaldá-los com o chá verde, mexendo com um garfo de modo a que fiquem todos molhados por igual. Tapar enquanto estiver a saltear os legumes.

5. Levar um pouco de azeite numa frigideira anti-aderente ao lume. Juntar os cubos de courgette e deixar saltear um pouco.

6. Adicionar os cubos do pimento. Temperar com sal e pimenta.

7. Juntar os legumes aos cuscuz e mexer com um garfo de cozinha de modo a envolver os legumes.

Este prato é uma delícia. À partida parece um pouco mais complicado do que na realidade é. Experimentem!

Um destes dias tenho que arranjar uma tajine. Um prato marroquino servido nas nossas louças não tem metade da piada. O prato onde se serve o que confeccionamos também dá alma à comida.

P.S. 1 -Nesta receita a carne de vaca pode ser substituída por peru. Quem não gostar de alcachofras pode usar favas.
P.S. 2 - Receita com muita inspiração Vaqueiro.

quarta-feira, 13 de Junho de 2007

É dia de Santo António ...

Hoje é dia de Santo António e feriado na cidade de Lisboa. Por quase toda a cidade, especialmente nos bairros mais típicos, encontramos pequenos arraiais com sardinha assada, febras assadas, caldo verde e chouriço assado.

O Manjerico é a planta que faz parte da festa. Na noite de 12 de Junho quando começam os festejos é fácil encontrar pequenas bancas a vender esta aromática planta.

Mais uma receita de Calamares ...



Eu quero um iPhone assim! :)

domingo, 10 de Junho de 2007

Passeio pelo campo ...

De vez em quando visito alguns familiares que vivem numa aldeia no Ribatejo. Ali quase que o tempo pára e tudo fica perto. O café, a mercearia, o talho, etc... Para além de se comer sempre muito bem ainda temos tempo para dar um passeio pela terra, apreciar as árvores, agora já com frutos e respirar ar puro.

Deste passeio, partilho, aqui, convosco algumas fotos. A primeira é de uma figueira que dá figos docinhos como o mel, bons mas só lá para meados de Agosto, a segunda é de um marmeleiro já com os seus pequenos frutos que, em Outubro, serão assados no forno ou transformados em doce, e, por último, os abrunhos que, assim que começam a ficar meios avermelhados (um pouco mais do que estão na foto) já não estão nada maus e que me dão imenso prazer comer, apanhando-os directamente da árvore.


sexta-feira, 8 de Junho de 2007

Tarte folhada de brócolos e atum

Ingredientes:
1 embalagem de massa folhada fresca
2 latas de atum escorridas
1 cebola cortada em meias luas
1 cabeça de brócolos (só os raminhos)
2 cenouras médias cortadas às tirinhas
4 a 5 cogumelos cortados às fatias
Azeitonas
Azeite
Sal
Pimenta
Queijo Mozarella ralado

1. Saltear os vegetais no azeite. Adicionar o atum e as azeitonas sem o caroço. Temperar com sal e pimenta a gosto.

2. Estender a massa folhada numa forma de pizza e seguir as indicações de utilização da massa. Verter o preparado na massa e polvilhar com queijo mozarella. Levar ao forno até a massa começar a ficar dourada.

Acompanhar com arroz branco. Esta tarte é uma delícia e muito rápida de confeccionar

segunda-feira, 4 de Junho de 2007

Prémio Blog com Tomates


O Miguel nomeou o Cinco Quartos de Laranja para o prémio Blog com Tomates, a quem desde já agradeço.

"Um Blog com Tomates aquele que luta pelos direitos fundamentais do ser humano. Havendo quem possa ter outra interpretação do mesmo, a nomeação de blogs e seus respectivos conteúdos são da responsabilidade de quem os indica."

Os nomeados pelo Cinco Quartos de Laranja são:

Mal Cozinhado
Rap´ó Tacho
Diário de Cozinha
Experiências na Cozinha
Doces Cozinhados

Os nomeadados só têm que visitar o Blog com Tomates descarregar a imagem, fazer as suas nomeações e informar a Brit das nomeações.

Creme de abóbora com gengibre e crocante de presunto

Ingredientes:
1 cebola média picada
3 dentes de alho picados
Azeite
1 cubo de caldo Knorr de legumes
4 hastes de aipo
1 kg de abóbora descascada
2 colheres de sopa de gengibre fresco
Água
Sal
Presunto fatiado
Salsa picada

Levar a cebola, o alho e o azeite numa panela ao lume. Deixar cozinhar um pouco e adicionar o gengibre descascado e cortado em pedaços e o caldo de legumes. Deixar cozinhar mais um pouco.

Juntar o aipo e a abóbora cortados aos pedaços. Adicionar água até tapar ou passar ligeiramente os legumes. Temperar com sal e deixar cozinhar.

Quando os legumes estiverem cozidos triturar e retirar do lume.

Servir a sopa com presunto crocante e um pouco de salsa picada. Para fazer o presunto: colocar as fatias de presunto num tabuleiro e levar ao forno até ficarem estaladiças. Depois é só esmagá-las e dispor, a gosto, por prato de sopa.

Mais uma deliciosa sopa para juntar ao meu cardápio de sopas!

P.S. Quem gostar do sabor do gengibre pode colocar mais. Cá em casa, nesta sopa, queixaram-se que tinha pouco.