terça-feira, 31 de Julho de 2007

Sopa de courgete com aipo e ervilhas

Cá em casa procuro sempre ter sopa. Às vezes a sopa para além de ser o início de uma refeição acaba por ser a refeição em si, especialmente, nos dias em que chego mais tarde a casa e já não há tempo para cozinhar nada de especial, sem ser uns ovos mexidos com o queijo que houver no frigorífico.

Em termos de organização doméstica, tenho o hábito de fazer uma panela de sopa por semana. A semana passada fiz uma sopa que adorámos. Foi pensada no momento, como costumo fazer muitas vezes, a partir dos legumes que tinha no frigorífico.


Numa panela coloquei cebola cortada, courgete descascada (muita) e cenoura. Coloquei água até tapar os legumes e um pouco de sal. Levei ao lume até os legumes estarem cozidos. Depois de cozidos, retirei do lume e triturei. Depois levei novamente ao lume. Coloquei um pouco de azeite. Quando voltou a levantar fervura adicionei ervilhas, folhas de aipo cortadas e duas mãos cheias de massa cotovelos. Deixei acabar de cozinhar.

segunda-feira, 30 de Julho de 2007

Meloa com gelado

Nesta segunda-feira quentíssima, com temperaturas à volta dos 40ºC , o melhor é optar por sugestões bem fresquinhas. Como por exemplo, esta meloa com gelado.



Ingredientes:
Meloa
Gelado

1. Cortar a meloa ao meio. Retirar as sementes.

2. "Rechear" a meloa com 2 bolas de gelado.

Eu usei gelado de baunilha e a meloa estava muito fresquinha. Uma excelente opção para estes dias de verdadeiro calor.


P.S. Sugestão da Malmequer. Obrigada por ter partilhado connosco esta ideia.

sábado, 28 de Julho de 2007

Comidinha de férias ...

Iniciei hoje as minhas férias. E para começar em beleza vim o fim-de-semana para Santa Luzia (Tavira) e para a praia do Barril.

Em férias e cá em Santa Luzia há um conjunto de comidinhas que já fazem parte da tradição nesta altura do ano. A primeira é Amêijoas à Bulhão Pato. Esta receita é tão simples e deveras saborosa.

Ingredientes:
Amêijoas frescas
Alhos esmagados
Coentros picados
Azeite

Levar um tacho ao lume com o azeite e os alhos, e deixar frigir um pouco. Adicionar os coentros e deixar cozinhar mais um pouco. De seguida juntar as amêijoas escorridas. É importante que o lume esteja forte. Tapar o tacho. Sacudir o tacho de modo a que todas as amêijoas abram. Assim que estiverem abertas retirar.

Quem gostar pode juntar um pouco de pimenta e servir as amêijoas com sumo de limão. Por cá acompanham-se com pão (para molhar no molho!) e vinho verde Alvarinho bem geladinho.

Depois desta entrada de amêijoas veio o peixe grelhado. Hoje foram umas deliciosas Ferreiras.

Grelhar peixe nunca é uma tarefa fácil e normalmente quase ninguém quer assumir essa responsabilidade, porque se não fica bom há reclamações dos comensais. Como tal, fui aprendendo alguns truques que indico a quem fica responsável pela tarefa. Por exemplo, peixe para grelhar não é escamado, vai para a grelha com as escamas. Depois de temperar, por norma apenas coloco sal, ainda passo um pouco de azeite no peixe que deve ser colocado numa grelha já bem quente, evitando que se pegue.

Na minha opinião, na grelha, não convém virar muitas vezes o peixe. O ideal seria virá-lo apenas uma vez.

Com estes pequenos truques grelhar peixe tem sido um sucesso.



sexta-feira, 27 de Julho de 2007

Salada de Manga

Um destes dias descobri esta receita num blog que visito regularmente. O aspecto achei divinal e sem ingredientes complicados, fiquei logo com imensa vontade de experimentar. Acabei por fazê-la. Eis o resultado:



Ingredientes:
1 manga cortada em cubos
1/2 cebola roxa cortada em pedaços
1 tomate cortado em cubos
Coentros picados a gosto
Sumo de 1 lima
Pimenta

Juntar todos os ingredientes e servir com bolachas salgadas. Ideal como aperitivo.

Na receita original não se coloca a pimenta, mas achei que não fica mal. As bolachas com a salada ficam uma delícia. Apenas um senão, as minhas bolachas eram demasiado pequenas!

terça-feira, 24 de Julho de 2007

Salada de rúcula com queijo feta

No fim-de-semana exagerei nos fritos e nas gorduras e ontem, para me penitenciar, resolvi fazer esta saladinha.

Para fazer a salada usei o que tinha cá em casa. Juntei 2 tipos de rúcula, tomates cereja cortados ao meio, pepino, 3 rabanetes cortados às rodelas, azeitonas, queijo feta cortado aos cubinhos, queijo Edam cortado às tiras, nozes. Temperei com azeite e pimenta. Uma delícia.

quarta-feira, 18 de Julho de 2007

Doce de ameixa com limão e baunilha



Ingredientes:
2 kg de ameixas pretas
1,800 kg de açúcar amarelo
1 vagem de baunilha
Sumo de 2 limões e respectiva casca
150 ml de água

1. Pelar e descaroçar as ameixas.

2. Colocar as ameixas descaroçadas num recipiente com 1,500 kg de açúcar e o sumo dos limões para macerarem, pelo menos durante duas horas.

3. Entretanto fazer uma calda com o restante açúcar, a água, a vagem de baunilha aberta e as cascas de limão. Levar a lume brando durante 10 minutos.

4. Deitar sobre esta calda o macerado das ameixas, mas com cuidado pois pode salpicar. Mexer muito bem.

5. Deixar apurar até obter o ponto estrada.

6. Assim que tenha atingido este ponto retire do lume. Antes de colocar em boiões, retirar do doce a vagem de baunilha e as cascas de limão.


Eu adoro fazer doces de fruta. Talvez seja das boas recordações de infância, em que me lembro de momentos muito agradáveis que passei com a minha mãe quando esta fazia doce de melão com pêra ou maçã, doce de abóbora ou doce de tomate. Normalmente, não fugia muito destas frutas.

Esta receita é do Chefe Jorge Luís e do livro O Tesouro das Sobremesas editado pela D. Quixote. O doce de ameixas é sempre um pouco mais ácido comparado com o doce de abóbora ou outro. Como já vem sendo hábito tive alguma dificuldade com o ponto de açúcar. Mas ficou óptimo. Cá em casa tem feito sucesso e tem sido comido como se vê na foto, com pão e queijo. Um pecado para qualquer controlo de calorias!

terça-feira, 10 de Julho de 2007

Costeletas de porco na frigideira com mostarda

Colocar numa figideira azeite, mostarda e sumo de 1 limão. Levar ao lume. Fritar as costeletas, previamente temperadas com sal a gosto, no preparado anterior.

Servir as costeletas com arroz e salada.

Este prato de costeletas é óptimo para quando se quer fazer uma receita rápida. Foi hoje o meu jantar!

P.S. Receita da Eduarda, que deu à Sandra, que me deu a mim. Da próxima vez vou juntar uns dentes de alho esmagados na frigideira, eu adoro o sabor do alho e não deve ficar nada mal!

segunda-feira, 9 de Julho de 2007

Meloa com Vinho do Porto


1. Colocar a meloa, antes de servir, no frigorífico para que esteja bem fresquinha.

2. Cortar a meloa ao meio. Retirar as sementes.

3. Encher o interior da meloa com vinho do Porto.

No passado sábado, quando o meu pai me sugeriu esta meloa como sobremesa, fiquei um pouco reticente. Mas experimentei e adorei. Uma óptima combinação!

domingo, 8 de Julho de 2007

Tentador doce de cereja ...

Ingredientes:
1, 500 Kg de cerejas descaroçadas
1,300 Kg de açúcar amarelo

1. Lavar as cerejas, tirar-lhe os pés e os caroços.

2. Colocar as cerejas numa panela, às camadas, alternadamente com o açúcar. Deixar a macerar aproximadamente 12 horas.

3. Passado o tempo, levar ao lume até atingir o ponto espadana. Depois de 10 minutos de arrefecimento coloca-se em boiões.

Este doce é verdadeiramente tentador. Cá em casa tem sido comido com requeijão. Uma delícia!

P.S. Neste doce tive dificuldade com o ponto espadana. Socorri-me de um livro da Vaqueiro onde, através de fotografia, explica os diferentes pontos de açúcar. Mas com ponto de espadana ou não, por cá já pouco sobra deste doce!