quarta-feira, 30 de Julho de 2008

Arroz de farinheira com gindungo

A farinheira é uma especialidade dos enchidos tradicionais portugueses. É feita com carnes gordas de porco, vinho, massa de pimentão, colorau e farinha. É um dos enchidos indispensáveis no nosso Cozido à Portuguesa e são óptimas grelhadas ou até mesmo na frigideira. Dado os níveis de colesterol deste enchido tem que ser comido com moderação. Assim, uma vez por outra.


Ingredientes:
1 chávena de arroz
1 cebola
2 dentes de alho
2 colheres de sopa bem cheias de azeite
1 folha de louro
2 colheres de chá de molho de gindungo
sal a gosto
salsa picada

1. Picar a farinheira com um garfo e levá-la a cozer em água.

2. Depois da farinheira cozida, retirar da água e deixá-la arrefecer um pouco. Retirar-lhe a pele e esmagá-la com um garfo.

3. Num tacho colocar o azeite, a cebolas e os alhos picados. Levar ao lume e deixar refogar um pouco. Adicionar uma folha de louro.

4. Juntar o arroz e a farinheira. Mexer bem para que tudo fique bem envolvido.

5. Adicionar caldo de cozedura da farinheira e um pouco de sal. Mexer e deixar cozinhar o arroz. Ir mexendo de vez em quando.

6. Antes de retirar do lume, adicionar 2 colheres de chá de molho de gindungo. Deixar cozinhar mais um a dois minutos.

7. Servir o arroz polvilhado com salsa picada.

Este arroz fica muito cremoso. Quem quiser "aligeirar" as calorias poderá usar água em substituição do caldo de cozedura da farinheira. Eu desfiz muito a farinheira. Quem preferir pode deixar pedaços inteiros.

Esta era uma das receitas que coloquei na minha lista de receitas a realizar das várias revistas que vou comprando.

P.S. Receita da revista Teleculinária nº 1455 de 26.02.2007. Apenas mudei a quantidade de arroz, na receita original tinha 350 g e acrescentei o gindungo.

10 comentários:

  1. Eu gosto muito de farinheira e esse arroz tem um aspecto delicioso e bem cremoso!Beijocas

    ResponderEliminar
  2. Isso é mesmo um prato pecaminoso! Fizeste dele prato principal ou como acompanhamento? Eu arrisco dizer que, com uns grelos salteados a acompanhar, ficava a verdadeiro manjar dos deuses! :o)

    Ah, mas olha que não recomendo a utilização de 2 colheres de chá de gindungo... ahahah Imagino que deve ter ficado bem picante, não? :o) Ah, valentes!!

    ResponderEliminar
  3. Andamos sintonizadas, pois tenho agendado para o fim de semana um arroz de farinheira. O teu está com um aspecto delicioso e então com o gindungo da migas...nham, nham.

    bjs

    ResponderEliminar
  4. Eu adoro farinheira grelhada e barrada no pão, hum...!

    Este arroz vai para a lista, vai, vai!

    Beijo

    ResponderEliminar
  5. ai valha-me Deus... esse arroz ficou fantástico
    essa última foto deixou-me a babar.

    ResponderEliminar
  6. Eu provei a farinera quando estive por ahi e adorei, mas como bem diz, com moderacao, porém no meu caso ja faz mais do tempo moderado ..rsrs Esse arroz esta com um aspecto maravilhoso, vou ver se faco e substituo a farinheira por algum embutido daqui parecido
    Beijos

    ResponderEliminar
  7. Até já estou com calores só de pensar neste arroz... deve ter ficado potente :)

    ResponderEliminar
  8. Olá, vim visitar a dua cozinha, adorei a receitas e as fotos muito bonitas !!

    ResponderEliminar
  9. Se leva farinheira é um sucesso de certeza! Adoro =)

    bjs

    ResponderEliminar
  10. Já copiei para o meu livrinho!!!
    No Outono essa receita vai caír como milho no papo da "Jurema"!!!rscrscrsc!!! Com legumes da época cozidos e uma taça de "Praça Velha"? Ui!!!Claro, e a companhia dos amigos para dividir as calorias
    ...

    ResponderEliminar