quarta-feira, 28 de Setembro de 2011

Siena, uma cidade de tradições


Siena é uma cidade bonita, com ruas estreitas cuidadas, onde as casas pintadas em tons terra contrastam com o verde da paisagem Toscana. Siena seduz-nos com o seu casario medieval, com as festividades e a boa comida. Segundo a lenda foi fundada por Sénio, filho de Remo, por isso encontramos várias estátuas pela cidade da loba a amamentar duas crianças, tal como na cidade de Roma. Nasceu ali também o Monte dei Paschi di Siena, actualmente, o banco mais antigo do mundo.

Assim que ali chegámos, a primeira coisa que procurámos visitar foi a Piazza del Campo, um dos ex-libris da cidade. Todos os caminhos da cidade vão dar a esta praça em forma de meia lua e ligeiramente inclinada. A praça estava preparada para receber um evento especial, as corridas de cavalos sem sela, uma tradição local a que dão o nome de Palio e se realiza duas vezes por ano, uma delas a 16 de Agosto. A praça estava cheia de turistas, alguns sentados nas esplanadas a almoçar, outros, como nós, de passagem. Os edifícios ostentavam estandartes (bandeiras de seda), os palios, com os brasões das paróquias (contrade) da cidade. Ali na praça, junto à Fonte Gaia, lembrei-me do filme Sob o sol da Toscana, que vi antes de ir, quando um dos protagonista participa numa festa local e, vestido de pajem, faz uma dança com bandeiras estandarte. Essa festa deveria ser em Siena.


Depois seguiu-se um passeio pelas ruas estreitas que nos levou desde a Piazza del Campo até à Piazza del Mercato. Aí, a zona do mercado estava vazia, mas, por sua vez, no espaço envolvente estavam parados vários camiões de diferentes televisões para fazerem a cobertura da corrida. Mais uma subida, por ali algumas das ruas são íngremes, bastante íngremes mesmo. Siena é uma cidade com muito comércio. Encontramos várias lojas de artesanato, produtos alimentares, mercearias com fruta fresca à porta, massas variadas, cogumelos secos, azeites, entre outras coisas. Também se encontram galerias de arte com obras de artistas da região ou nacionais. As obras são quase todas quadros com paisagens da Toscana, campos de girassóis, vinhas, papoilas e casas, que transmitem uma enorme tranquilidade. Quase que apetece trazer um pouco daquela paisagem connosco.


À hora de almoço escolhemos o restaurante Hostaria Il Rialto, numa rua estreita e escondida das artérias principais e cheias de turistas. Para almoçar escolhemos pici com cogumelos, uma massa maravilhosa, cheia de sabor, ravioli com manteiga e sálvia, papardelle com ragú, ossobuco - que estava magnífico - peito de frango grelhado, um prato de tripas com molho de tomate - típico da região - e para acompanhamento feijão cozido com tomate e sálvia. As sobremesas foram um bacio, um bolinho com frutas cristalizadas e cobertura de chocolate e Cantucci di Prato, uns biscoitos de amêndoa e anis servidos com vin santo (vinho doce). A comida estava muito boa, saborosa, bem confecionada. O cozinheiro e dono do restaurante, veio até à mesa conversar um pouco connosco, falar da sua cozinha e de alguns pratos. Esta foi uma das nossas melhores refeições desta viagem.


Depois do almoço visitámos uma loja de artesãs onde assistimos à preparação de flores com uma cobertura de cera, que lhe dá um aspeto brilhante e vivo, e velas. Achei muito interessante o processo de realização das velas, que são feitas através da passagem por tanques com ceras de diferentes cores. Uma passagem pela Catedral de Siena, com uma fachada magnífica, cheia de estátuas e seguimos viagem.


Fomos então à procura do melhor gelado do mundo.

9 comentários:

  1. Linda! E esses pratos...que delicia!

    ResponderEliminar
  2. Tenho mesmo que lá ir, para além de uma cidade lindissima, é um local de óptima gastronomia, repleta de cheiros, cores e sabores :)

    ResponderEliminar
  3. Ótimo post, linda cidade, apetitosas comidas!!!

    ResponderEliminar
  4. só de pensar que amanha tb estarei em Itália. =)

    ResponderEliminar
  5. Já estava com fome, mas quando vi as fotos do vosso almoço, o meu estômago começou a dar horas. Siena parece maravilhosa, vou inclui-la na minha próxima ida a Itália!

    ResponderEliminar
  6. Adoro Sienna, Picci e os biscoitos com o licor!

    ResponderEliminar
  7. Diogo,
    muito obrigada.

    Raqs,
    Siena vale mesmo uma visita. É uma cidade muito acolhedora e com uma excelente gastronomia.

    Ana Paula,
    muito obrigada.

    João,
    boa viagem. Eu adoro Itália.

    Ondina,
    vale a pena passar por Siena. A cidade é muito bonita.

    "Anónimo",
    foi a primeira vez que visitei Siena e gostei muito. A comida é fabulosa!

    Um beijinho e votos de bom fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  8. Já visitei Siena e foi maravilhoso, o ambiente, as paisagens, os cheiros e a gastronomia tem o poder de transportar-nos através do tempo. Aconselho a vivamente a todos visitar Siena.

    ResponderEliminar
  9. Fiz inter-rail há 20 e muitos anos e guardo na memória Siena foi um dos sítios que fiquei agradavelmente surpreendida, adorei Siena, bem como o lago de Como tb muito bonito.
    Aproveito para congratular o teu blogue e o relato fantástico que fazes por onde passas É simpática essa partilha e mt útil para quem lê. PARABÉNS

    ResponderEliminar