Próximos workshops
Porto 22 e 23 de Novembro de 2014
Sábado:
10h30 - 13h00      Entradas e Aperitivos para Festas
 
 
15h30 - 18h00      Doces de Natal
 
Domingo:
10h30 - 13h00      Receitas para Ofertas de Natal
Inscrições limitadas 25  work@sott.pt   91 700 1802 espaço WORK IT
Lisboa 29 de Novembro de 2014
Sábado:
10h30 - 13h00      Entradas e Aperitivos para Festas
 
 
14h30 - 17h00      Doces de Natal
Inscrições limitadas 30  formacao@acpp.pt   21 362 2705 ACPP

quinta-feira, 17 de Novembro de 2011

Arroz de pato com marmelo assado


Assar uma ave apenas para dois, cá em casa, dá para várias refeições. Foi o que aconteceu com o pato assado publicado ontem. Comemos os peitos e as pernas. Limpei a carne das asas e do pescoço. Com os ossos fiz um caldo bastante simples. Cozi-os numa panela com água juntamente com uma cebola e uma cenoura cortada. Deixei ferver até a cebola e a cenoura estarem bem cozidas. De seguida coei o caldo e reservei. Foi com esse caldo e com a carne que aproveitei do pato assado que fiz este arroz.


Arroz de pato

Ingredientes:
2 chalotas picadas
2 colheres de sopa de manteiga
350g de arroz arbório
1dl de vinho branco
250g de carne de pato assado desfiada
1,1L de caldo de carne
sal e pimenta
queijo grana padano ralado para servir


1. Refogar a cebola numa colher de sopa de manteiga.

2. Adicionar o arroz e deixar fritar um pouco. Refrescar com o vinho branco.

3. Adicionar um pouco de caldo e a carne de pato desfiada. Temperar com sal e pimenta. Ir acrescentando o caldo à medida que o arroz for necessitando.

4. Assim que o arroz estiver cozido, adicionar uma colher de sopa de manteiga.

5. Servir o arroz polvilhado com queijo grana padano e gomos de marmelo assado.


Marmelo assado com tomilho e vinagre balsâmico

Ingredientes:
2 marmelos cortados em gomos
2 colheres de sopa de azeite
2 colheres de sopa de vinagre balsâmico
1 colher de sopa de folhas de tomilho ou 1 raminho de tomilho


1. Pré-aquecer o forno a 180ºC.

2. Num recipiente de forno colocar o marmelo cortado. Regar com o vinagre e o azeite. Polvilhar com o tomilho. Mexer bem e levar ao forno durante aproximadamente 50 minutos ou até o marmelo estar assado. A meio, virar as fatias de marmelo.


Decidi acompanhar este arroz com marmelo, tal como fiz com o pato assado. Mas quando estava a preparar esta receita fiquei indecisa se deveria acompanhar com marmelo salteado, que adoro e combina muito bem com carnes, ou assado. Mas assado, como? Entretanto lembrei-me de uma receita de marmelo assado que tinha achado muito interessante do blogue Scandi Foodie e decidi fazer igual, acrescentando apenas o tomilho.

Arroz de pato com marmelo assado pode à primeira vista ser uma combinação que cause estranheza, mas para quem adora marmelo como eu, de certo que vai fazer sucesso. E arroz doce com marmelo? A experimentar, brevemente.

Bons cozinhados!

7 comentários:

  1. Isso é uma excelente ideia, pois lá em casa somos 2 e assar um pato é muita coisa. Claro que utilizar o restante em arroz, ou em salada com laranja, rúcula, passas e pinhões é sempre uma boa solução. Será que empadão de pato resulta? Crepes de pato com um molho agridoce também poderão sair bem (uma adaptação do pato à pequim). O que não pode faltar é imaginação :)

    ResponderEliminar
  2. Resultou numa refeição deliciosa, com marmelo assado dá-lhe um toque subtil.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Mais uma vez, parabéns pelas fotografias! Eu gosto muito das receitas mas as fotografia obrigam-me sempre a parar!

    ResponderEliminar
  4. Ondina,
    tens toda a razão, o que não pode faltar é a imaginação.

    Mónica,
    o marmelo é o que torna este arroz de pato mais especial.

    Vera Ferraz,
    muito obrigada.

    Obrigada pela vossa visita e comentários.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  5. ótima ideia com as sobras fazer azzro de pato. É um dos meus pratos preferidos. Combinado com o marmelo que é sobre o ácido, cortou o sabor do arroz, muito bom de certeza

    Bom fim de dia
    Paula

    ResponderEliminar
  6. Bom dia Isabel. O meu nome é Eduardo e sou igualmente um apaixonado pela comida (e bebida!). Queria antes de mais dar-lhe os parabéns pelo seu blog, pela forma como escreve, pela qualidade das fotos (vê-se que têm muito trabalho na preparação) e pela criatividade e imaginação das receitas. Em conjunto com uns amigos sou um humilde bloguista do Ementa na Língua (http://ementanalingua.blogspot.com/) que desde já a convido a ler e seguir.

    Muitas felcilidades para o Cinco Quartos de Laranja e espero que nos possamos "encontrar" mais vezes no ciberespaço.

    ResponderEliminar
  7. Peru Albino,
    muito obrigada pela visita, pelas palavras simpáticas sobre o Cinco Quartos de Laranja e pelo convite. Irei com certeza visitar o blogue Ementa na Língua.

    Paula,
    eu adoro arroz de pato. Esta foi uma tentativa diferente de o fazer. O marmelo, para mim, combinou de forma excelente. Mas sou suspeita, claro!

    Um beijinho e votos de bom fim-de-semana.

    ResponderEliminar