Próximos Workshops
Lisboa 4 de Dezembro de 2016
Domingo:
10h00 - 13h00      Doces Tradicionais de Natal
Inscrições: escola@istofaz-se.pt   218 078 640 IstoFaz-se
Lisboa 10 de Dezembro de 2016
Sábado:
10h30 - 13h30      Receitas para a Mesa de Natal
 
 
14h30 - 17h30      Presentes de Natal
Inscrições: formacao@acpp.pt   21 362 2705 ACPP

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Costeletas de borrego com massa de malagueta


Os Açores são um dos meus locais preferidos para passar férias. A primeira ilha que conheci foi São Miguel. Aqui, descobri o cozido das furnas com inhame, as estufas dos ananases e perdi-me de amores pelas paisagens bonitas que os nossos olhos alcançam sempre que se sai de Ponta Delgada.

As férias pelos Açores levaram-me até São Jorge, onde visitei algumas queijarias do conhecido queijo da Ilha de São Jorge, passei pela caldeira de Santo Cristo e provei as famosas amêijoas ali produzidas. Faltou-me experimentar o café produzido na ilha.

Passei pelo Faial onde visitei o vulcão dos Capelinhos, descobri a praia do Almoxarife e rendi-me aos encantos das lapas grelhadas e das favas com molho de unha. Do Pico trouxe as imagens bonitas dos currais de vinha, os passeios para observar as baleias e os golfinhos, e o sabor do peixe fresco grelhado.

Mas a ilha que mais me encanta, até agora, é a Terceira. A primeira vez que passei pela Terceira foi numa escala para o Canadá e fiquei com vontade de voltar. E voltei pelo menos mais duas vezes. É uma ilha onde encontrei amigos que me recebem de braços abertos e de quem guardo muito boas recordações. Da Terceira destaco as alcatras de carne e de peixe, pratos imperdíveis para quem visita esta ilha.

E o apontamento de hoje tem sabor a Açores. Utilizei na receita, massa de malagueta que descobri pela primeira vez nestas ilhas. Comida com queijo fresco, sabe muito bem. A Isabel, trouxe-me recentemente um frasco de massa de malagueta do Faial, pois sabe que cá em casa adoramos e decidi usá-la nesta receita, juntamente com o sal aromatizado, que a Manuela me fez chegar num dos nossos encontros de Natal, e de que me tornei fã.

Costeletas de borrego com massa de malagueta

Ingredientes para 2 doses:
6 costeletas de borrego
1 curgete
2 tomates
2 colheres de sopa de massa de malagueta
2 colheres de sopa de azeite
Sal aromatizado com tomilho (sal marinho, orégãos secos, tomilho seco e alho em pó)


1. Temperar as costeletas com a massa de malagueta.

2. Cortar o tomate e a curgete às rodelas.

3. Grelhar as costeletas de borrego.

4. Grelhar o tomate e a curgete, regadas com o azeite. Depois de grelhados, polvilhar os legumes com o sal aromatizado.

5. Servir as costeletas com os legumes grelhados.


Como a massa de malagueta é salgada, já não coloquei sal na carne.

4 comentários :

  1. Esse sal com tomilho vai bem com tudo, curiosamente até com peixe assado no forno com batatinhas e cenouras. Mas nos grelhados é sempre onde brilha mais :)

    ResponderEliminar
  2. Também gosto muito dos Açores, mas sou suspeita... Por que será? Fico feliz por estes calhauzitos no meio do atlântico te trazerem memórias tão boas. Estão sempre aqui firmes à tua espera, e eu também, para criação de novos momentos. Quanto à massa de malagueta, esta é de presença obrigatória nas despensas açorianas. Aqui neste prato deve-se ter saído também muito bem.
    Boas férias!
    Beijinhos.
    Patrícia

    ResponderEliminar
  3. Amiga,

    Esqueci-me da massa de malagueta atrás... hehehehe. Mas não faz mal, no início de Outubro trago-te mais... Fica prometido, assim como o tal almoço de feijão assado em minha casa ;-)

    beijos

    ResponderEliminar
  4. Que coisa mais deliciosa!! Parecido com as que minha avó fazia para mim na infância! Quem sabe eu não me anime a fazê-las no próximo final de semana!

    ResponderEliminar