Próximos Eventos
Porto 28 de Outubro de 2017
Sábado:
15h30 - 19h00      Workshop Vamos Fazer Pão?

sexta-feira, 30 de outubro de 2015

A cozinhar no Samsung Chef's Experience


No passado dia 22 de Outubro de 2015 organizei a primeira experiência culinária no espaço Samsung Chef's Experience no Mercado da Ribeira, em Lisboa. Um espaço privilegiado num dos mercados mais movimentados da cidade.

Estas experiências culinárias são uma viagem ao mundo dos sabores através de uma refeição em que todo o grupo vai fazendo ao mesmo tempo os passos da(s) receita(s) em conjunto. Não se avança para o passo seguinte enquanto não estiverem todos prontos para acompanhar.

Foi servida uma entrada. Preparámos em conjunto o prato principal e no final houve uma sobremesa surpresa que fez sucesso.


Este grupo reagiu muito bem. Todos conseguiram preparar o prato principal com sucesso e havia pessoas a cozinhar (quase) pela primeira vez. Fiquei muito orgulhosa com o resultado final!

No final desta experiência soube bem sentir a satisfação dos participantes! O espaço tem boas condições para a realização deste tipo de actividade. Está equipado pela Samsung, desde os frigoríficos, fornos até às placas das bancadas de trabalho. Confesso que me senti uma felizarda por poder partilhar com os meus leitores estas experiências muito especiais.


Um agradecimento especial à Teresa e à Catarina da equipa liderada pelo Rodrigo Meneses pela sua imprescindível e constante ajuda ao longo do evento.

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Esparguete de curgete com camarão


Adoro curgete. Acho que já devo ter feito mil e uma receitas com este legume. Acho-o muito versátil. Come-se cru ou cozinhado, com ou sem casca. É bom em sopas, saladas, grelhados, estufados e assados no forno. Resulta muito bem em bolos e compotas. Como tem pouco sabor acaba por absorver os sabores em que é cozinhado e isso torna-o especial. É um excelente substituto da batata, por exemplo, nas sopas. Felizmente, hoje em dia, encontramos curgete à venda todo o ano.

Preparei um esparguete de curgete com camarão que ficou de comer e chorar por mais para a edição da revista Comer de Julho/Agosto de 2015. Quem quer experimentar?

terça-feira, 27 de outubro de 2015

Workshop Bolos e Doces de Natal, em Lisboa


Já se contam os dias para a chegada do Natal. Para mim, é uma das épocas mais bonitas do ano. A pensar em coisas boas e doces para esta época, no dia 7 de Novembro de 2015 vamos ter um workshop intitulado Bolos e Doces de Natal, na ACPP - Associação de Cozinheiros Profissionais de Portugal.

Das 14h30 às 17h00, vamos preparar alguns doces tradicionais desta quadra festiva como papos de anjo, rabanadas, farófias, aletria, toucinho do céu, sericaia, entre outros. Neste workshop iremos confeccionar também biscoitos, bolachas e o famoso pudim Abade de Priscos, tudo para que a mesa de Natal fique muito bonita e bem docinha.

De manhã, das 10h30 às 13h00, teremos também o workshop de Canapés e Entradas. Quem se inscrever nos dois workshops terá 10% de desconto.

Conto convosco?

Inscrições e mais informações:
formacao@acpp.pt   21 362 2705   ACPP

Workshop de Canapés e Entradas, em Lisboa


No próximo dia 7 de Novembro de 2015, em Lisboa, vou realizar um workshop intitulado Canapés e Entradas, na ACPP - Associação de Cozinheiros Profissionais de Portugal.

Das 10h30 às 13h, iremos preparar muitas coisas boas a pensar nos dias de festa que se avizinham. Vamos confeccionar croquetes, rolinhos de pasta de requeijão e de fiambre, cogumelos recheados, ovos verdes, morcela com ananás e coentros, hummus de grão com bacalhau salteado com coentros, pão quente recheado com azeite de ervas e queijo entre outras coisa boas que nos deixam com água na boca. No final, juntamo-nos à volta da mesa para degustar tudo o que foi confeccionado.

À tarde, das 14h30 às 17h00, teremos o workshop de Bolos e Doces de Natal. Quem se inscrever nos dois workshops terá 10% de desconto.

Conto convosco?

Inscrições e mais informações:
formacao@acpp.pt   21 362 2705   ACPP

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Os meus workshops no Porto são assim ...


Ir ao Porto é sempre uma alegria. Gosto da cidade e da simpatia das pessoas com quem me vou cruzando. Foi no Porto que fiz o meu primeiro showcooking e foi aqui que comecei também a fazer workshops. Sinto que o Porto me descobriu e desde essa altura que me vai acarinhando a cada visita.

No próximo sábado, dia 31 Outubro, volto ao Porto para mais dois workshops. De manhã vamos preparar receitas para petiscar em dias de festa e à tarde vamos preparar bolos, biscoitos e bolachas para lanches, momentos especiais ou para termos em casa para acompanhar um café ou chá.


Os meus workshops são sempre momentos de partilha à volta da mesa repletos de boa disposição. Para além de explicar as receitas, de dar dicas e outras alternativas de adaptações acabamos no final por degustar tudo o que foi preparado. Estes momentos são sempre tão especiais! À volta da mesa, contam-se histórias, falamos das coisas da vida. Há uma partilha muito especial que deixa memórias felizes.


Encontramo-nos no sábado?

Inscrições e mais informações:
work@sott.pt   91 700 1802   WORK espaço criativo

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Bolo de amêndoa com recheio de compota de ameixa


Que bem que sabe a chegada da sexta-feira. Não sei como se poderá chamar este fenómeno, mas às sextas começo logo a congeminar planos para o fim-de-semana. E quero fazer isto e mais aquilo. Neste, gostava tanto de ir ver o filme Burnt com Bradley Cooper a interpretar um chefe de cozinha. O trailer deixou-me curiosa. Marquei na agenda para domingo ao final do dia. Será que o Ricardo pode?!



Este fim-de-semana vai haver almoço de família. Vamos inaugurar os nossos almoços de cozido à portuguesa. Um dos pratos que adoramos e sempre que há cozido, faz-se um grande almoço. Acreditam que temos um prato que só usamos quando há cozido. Comprados de propósito!

Uma das coisas que gosto de fazer ao fim-de-semana é ir para a cozinha, com tempo e preparar um docinho para nos deliciarmos nos nossos lanches. Um dos últimos que fiz e que adorámos foi este de amêndoa com recheio de compota de ameixa. O bolo fica macio, delicado e com o sabor doce e guloso da compota soube mesmo bem. Coloquem nos vossos planos para este fim-de-semana confeccionarem este bolo. Depois digam-me como correu.

quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Anéis de cebola fritos


Adoro petiscos em qualquer altura do ano. Os nossos vizinhos espanhóis sabem cultivar o hábito de petiscar como ninguém. Ir a Espanha e não comer umas tapas, é por certo uma visita incompleta. Por cá, temos também a nossa tradição de petiscos de norte a sul do país.

Mas a sugestão de pestisco que hoje vos trago provei-a pela primeira vez quando estive de férias nos Estados Unidos. Depois de sairmos do Canadá juntámo-nos com uns amigos queridos de longa data numa localidade perto de Moosehead Lake onde acabámos por ficar durante a noite, numa cabana mesmo junto ao bonito lago. Nesse dia ao jantar, começámos a refeição com umas rodelas de cebola frita que souberam tão bem!

Para a edição da revista Comer de Março/Abril de 2015 tentei recriar os anéis de cebola que comi nessas férias cheias de boas recordações.

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Doce de melão com especiarias


Este ano penso que deve ter sido o ano em que mais doces e compotas fiz. O último que preparei foi para aproveitar um melão que trouxe de casa dos meus pais, em Santarém. Gosto de melão mas para duas pessoas um inteiro acaba por demorar a consumir. Depois de umas fatias servidas como sobremesa a alguma das refeições, o restante foi para o tacho com açúcar, vinho Moscatel e especiarias. Ficou mesmo muito bom!

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Salada de grão com cenoura assada e queijo feta


Os dias parecem que passam a correr. Temos sempre esta sensação quando andamos ocupados. Eu gosto de andar com muitas actividades ao mesmo tempo, daquelas que me obrigam a gerir tarefas. Nos últimos dias escrevi alguns textos para o Correio da Manhã em parceria com o gastrónomo Virgílio Nogueiro Gomes e tenho-me dedicado à preparação dos meus workshops.

Para além dos que irei realizar no Porto no dia 31 de Outubro, o de Aperitivos para Festas e do Bolos, Biscoitos e Bolachas, ando também a preparar o que vou realizar esta semana no espaço Samsung Chef's Experience no Mercado da Ribeira em Lisboa. Estes terão um conceito diferente dos que costumo realizar e estou confiante que será um formato aliciante para todos os que participarão. Já fizeram a vossa inscrição?

Mas entre a azáfama do trabalho, no fim-de-semana o Ricardo e eu decidimos tirar um tempo só para nós. Já tínhamos saudades de sair de casa e passear pela cidade. Visitar livrarias. Andar nas ruas. Olhar para as árvores. Ver o Tejo. Tomar um café sem pressas numa esplanada. No sábado depois de darmos o nosso passeio a dois pela cidade, cheguei a casa e preparei esta salada de grão com cenoura assada e queijo feta para o nosso jantar. Acompanhada com um bom vinho branco, soube mesmo bem!

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Vamos fazer risoto?


No próximo sábado, dia 24 de Outubro, às 18h30, no espaço Samsung Chef's Experience no Mercado da Ribeira em Lisboa, vamos preparar risoto. A Samsung vai oferecer convites duplos a leitores do Cinco Quartos de Laranja para esta experiência única.

Vai ser uma experiência de cozinha muito especial, em jeito de workshop. Iremos todos preparar um delicioso risoto de curgete com bacalhau confitado. Irei explicar o tipo de arroz a usar, como preparar o caldo e como finalizar o risoto. Vai ser um momento de partilha cheio de sabor e boa disposição. Irão também ser servidos um amuse-bouche e uma sobremesa surpresa. Durante a refeição será servido água e vinho.

O convite está feito. Quem quiser viver esta experiência à volta da mesa, basta:

- Levar consigo um exemplar de um dos meus livros ( Cozinha para Dias Felizes ou Delicioso Piquenique );
- Inscrever-se através do preenchimento do formulário a seguir apresentado, até às 24h do dia 21 de Outubro de 2015.

Serão selecionadas as 7 primeiras inscrições válidas. Os contemplados serão contactados no dia 22 de Outubro. Cada convite é válido para duas pessoas.



sexta-feira, 16 de outubro de 2015

20 receitas com cenoura para fazer os olhos bonitos


Numa ida às compras há legumes que nunca faltam cá em casa e a cenoura é um deles. É muito versátil e pode ser usada crua ou cozida. Colocamo-la em sopas, guisados, assados, tartes, saladas e resulta muito bem também em doces, seja compotas ou bolos. A rama é também comestível. Em termos de sabor tem notas de pinho e salsa que fazem lembrar os aromas dos bosques. As cores originais da cenoura eram púrpura, branca e amarela. A cor laranja como hoje a conhecemos foi desenvolvida na Holanda como tributo a Guilherme d'Orange que liderou a guerra holandesa de independência da Espanha. Rica em betacaroteno, dizem que fazem os olhos bonitos e eu acredito!

Para quem tem sempre cenouras em casa, deixo-vos,hoje, vinte receitas com este delicioso legume:

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Quiche de espinafres com bacon


Já tinha saudades de fazer uma quiche. Há receitas que acho muito práticas para uma refeição rápida, para levar para o trabalho, para uma festa ou para um lanche mais substancial e as quiches entram no rol dessas receitas.

No fim-de-semana andei de um lado para o outro. E depois de uma ida às compras ao final do dia, cheguei a casa e para o jantar decidi fazer a quiche que vos trago hoje. Acompanhei com uma boa salada de verdes e soube-nos muito bem.

quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Sopa de couve-flor assada com cherovia


Os dias mais frescos de Outono trazem a vontade de colocar na mesa comidas mais quentes e reconfortantes. Nesta altura do ano gosto de preparar refeições de tacho ou então assados demorados no forno. Mas o que não pode faltar mesmo é um bom prato de sopa. Quente, cheia de legumes ajuda a repor todas as energias gastas durante um dia de trabalho. A última que preparei foi para dar destino a umas cherovias, também conhecidas como pastinacas, que comprei um destes dias no mercado. Cá em casa, adorámos.

terça-feira, 13 de outubro de 2015

Marmelada na Cuisine Companion


Há hábitos que se adquirem com o tempo ou que trazemos de casa dos nossos pais e que tentamos reproduzir. Eu todos os anos gosto de fazer marmelada. Assim que chegam os marmelos tento logo aproveitá-los. À marmelada, gosto de a cortar às fatias e servir com queijo, misturá-la com passas de uva num bolo para cortar às fatias e servir com um chá ou então, comê-la apenas com pão fresco, sabe tão bem!

Este ano decidi fazer a minha marmelada no robot de cozinha da Moulinex, para a rubrica Cuisine Companion. Gostei tanto do resultado que ofereci logo as primeiras taças que fiz. Mas já cá tenho mais marmelos. Esta semana voltarei a fazer.

segunda-feira, 12 de outubro de 2015

Workshop Bolos, Biscoitos e Bolachas no Porto


No dia 31 de Outubro, sábado, regresso ao Porto para mais dois workshops. A manhã será dedicada a Aperitivos para Festas, receitas práticas para quando se juntam os amigos ou a família numa ocasião especial. E à tarde vamos preparar Bolos, Biscoitos e Bolachas.

Neste workshop iremos confeccionar receitas de bolos com e sem cobertura, ideias para uma festa ou para um lanche a meio da tarde nestes dias frescos de Outono. Para além dos bolos iremos preparar também receitas de biscoitos, de coco, leite condensado, azeite, entre outros e bolachas, de chocolate, húngaras e outras, para acompanhar um chá ou para ter sempre prontas a servir para quando recebemos visitas inesperadas. Como o Natal está quase a chegar, quem sabe se não tiram neste workshop ideias para alguns presentes de Natal bem docinhos?!

Conto convosco?

Inscrições e mais informações:
work@sott.pt   91 700 1802   WORK espaço criativo

Workshop Aperitivos para Festas no Porto


No dia 31 de Outubro, sábado, regresso ao Porto para mais dois workshops. A manhã será dedicada a Aperitivos para Festas. Adoro juntar pessoas à volta da mesa. São sempre momentos tão especiais de convívio, de partilha. De risos e gargalhas. E este, não vai ser diferente.

Neste workshop de Aperitivos para Festas iremos preparar cerca de uma dezena de receitas desde mini frittatas, charutinhos de massa filo com queijo e tomilho, asinhas de frango no forno com mostarda em grão à antiga, bolinhos de chouriço, croquetes, quiche de bacalhau, hummus de pimento vermelho assado, torcidos crocantes de massa folhada com queijo e paprica, entre outras coisas boas que vão por certo fazer muitos sorrisos.

Conto convosco?

Inscrições e mais informações:
work@sott.pt   91 700 1802   WORK espaço criativo

sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Salada de pimentos assados com ovos de codorniz


Nos últimos tempos tenho andado a preparar os meus próximos workshops. Em Lisboa, os primeiros são já este sábado, mas até final do mês ainda teremos novidades. No Porto, serão no dia 31 de Outubro no WORK espaço criativo. Está a decorrer um desafio para ganharem uma entrada para o workshop Bolos, Biscoitos e Bolachas. Vejam como podem participar.

Entre escrever textos, aprender a fazer alguns doces conventuais que tinha na minha lista de receitas a experimentar, entre outras tarefas, o que é certo é que as refeições esta semana cá em casa, têm sido reduzidas quase exclusivamente a sopas e saladas. A última que preparei foi para usar uns ovinhos de codorniz que adoro e que acho tão amorosos, oferecidos pela minha amiga Suzana. Espero que gostem.

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

Lasanha de legumes com requeijão


Cozinhar é um prazer e todas as ferramentas e utensílios que nos ajudem a fazer as nossas tarefas de forma mais rápida e com precisão, são na minha opinião, sempre bem-vindos.

Para melhorar a qualidade do nosso tempo na cozinha vale a pena investir em alguns equipamentos que tornam o nosso trabalho muito mais fácil e agradável. Gosto de cozinhar mas se puder fazer algumas tarefas de forma mais rápida, melhor. Uma das coisas que não dispenso na minha cozinha é um descascador de legumes. Descascamos uma cenoura, batatas, pepino, num abrir e fechar de olhos. Eu descobri recentemente o descascador da Borner e fiquei encantada. Descasca nos dois sentidos, e tem acoplado um ralador para a noz moscada, gengibre ou para o alho. Permite também, graças a duas saliências laterais, efectuar pequenas decorações. Uma das aplicações que lhe comecei a dar assim que o experimentei foi para o pepino. Consigo tirar a casca fazendo riscas com e sem casca. Para canapés fica muito bonito.

Outro utensílio que acho muito útil ter na cozinha é um cortador de legumes. Com várias lâminas que permitem cortar em pequenos cubos cebola, pimento, tomate. Cortar em juliana, em rodelas, palitos e em cubos. A receita que vos trago hoje foi preparada com o cortador de legumes Borner. Uma receita cheia de vegetais que exigiu diferentes tipos de cortes. Imaginam o tempo que passaria na cozinha se não tivesse esta preciosa ajuda?

Preparei esta receita para a Borner.

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Arroz de salsichas frescas com couve lombarda


Um destes dias numa ida às compras vi que as couves lombarda estavam tão frescas, com as folhas viçosas, a rirem-se para mim. Não resisti! Chegada a casa decidi juntá-las a umas salsichas frescas que comprei no talho do meu irmão, em Tremês, na zona de Santarém. O resultado foi um arroz delicioso que nos ajudou a ter uma refeição de fim-de-semana muito feliz. Deixo-vos, hoje, a receita.

terça-feira, 6 de outubro de 2015

Sopa de cebola à francesa


A primeira vez que comi sopa de cebola foi numas férias que o Ricardo e eu fizemos em Inglaterra. Lembro-me que o dia estava chuvoso e no local onde decidimos almoçar havia sopa de cebola. Eu que adoro sopa achei que era uma excelente opção. Enganei-me. Não gostei da sopa.

Quando preparei as receitas para a revista Comer de Março/Abril de 2015 dedicadas à cebola, resolvi dar o benefício da dúvida e preparar uma sopa de cebola. Gostei mais do que da primeira vez, mas mesmo assim, não fiquei apaixonada, ao contrário do Ricardo que se deliciou com a parte dele e a minha.

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Os meus workshops em Lisboa são assim ...


Uma cozinha cheia de gente em verdadeira azáfama é sinónimo de alegria. Corta-se o pimento, pica-se a cebola, fazem-se refogados, mede-se o vinho para os mexilhões, fritam-se as pataniscas, levam-se ao forno os pastéis pincelados com a gema de ovo que os deixa tão dourados. Ouvem-se gargalhadas. Sente-se o cheirinho bom dos queques a ceder aos encantos do calor do forno. Tiram-se dúvidas. Aprendemos todos.

Batem-se os ovos com o açúcar. Levantam-se as claras em castelo com um pequeno truque. Enquanto se coloca o crème brulée, no forno, em taças bonitas, comentamos pequenas coisas da vida. Pincela-se a forma com manteiga para o bolo de chocolate. Falamos dos bolos de que mais gostamos e daqueles que queremos muito experimentar.


É este o espírito dos meus workshops, um convívio feliz à volta da cozinha. No final juntamo-nos todos como uma família e partilhamos o que foi confeccionado.


No próximo dia 10 de Outubro voltam os workshops a Lisboa, na ACPP - Associação de Cozinheiros Profissionais de Portugal. De manhã vamos preparar petiscos. Coisas boas para partilhar com a família e amigos seja numa festa ou em refeições mais rápidas. À tarde, juntamo-nos para um lanche. Para acompanhar o chá, iremos ter bolos e biscoitos. Bolos práticos, com e sem cobertura e variedade de biscoitos para termos sempre prontos em casa ou, quem sabe, para oferecer no Natal. A mesa está posta. A azáfama vai começar. Não percam esta oportunidade.

Inscrições e mais informações:
formacao@acpp.pt   21 362 2705   ACPP

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

25 receitas com queijo


Há ingredientes que gosto de ter sempre na minha cozinha. Já vos contei que na minha despensa não podem faltar as latas de conserva de peixe, mas no frigorífico um dos que procuro ter sempre é queijo. Queijo fatiado para os pequenos-almoços. Queijo mozzarella ralado. Queijo feta. Queijo da Ilha de São Jorge. Ultimamente o queijo cottage, que acho muito saboroso. Queijos curados. E queijos frescos, requeijão e ricotta fazem parte muitas vezes das minhas compras.

Para quem gosta de queijo tem hoje aqui vinte e cinco deliciosas receitas:

- Cannelloni de pescada com requeijão;
- Cogumelos recheados com cobertura de queijo Brie;
- Flan de espinafres, curgete e queijo cottage;
- Frittata de curgete com queijo cottage;
- Gratinado de batata-doce;
- Gratinado de quinoa com beringela e queijo;
- Hambúrguer com queijo e molho picante de iogurte grego;
- Legumes salteados com queijo chèvre e pimentão doce fumado;
- Macarrão gratinado com quatro queijos;
- Pastéis de arroz com queijo;
- Piza de chouriço com tomate cereja e queijo;
- Pão fresco com queijo e pimentos assados;
- Queijo Brie panado com compota de frutos vermelhos;
- Queijo feta marinado com alecrim, pimentas e malagueta;
- Queques de bacon e queijo;
- Risotto de camarão com queijo da Beira Baixa;
- Salada de arroz selvagem com queijo feta;
- Salada de tomate com queijo feta e orégãos;
- Salmão no forno com crosta de queijo;
- Sandes aberta de queijo com tomate cereja e agrião;
- Suflé de queijo Roquefort;
- Tarte de cebola caramelizada com queijo de cabra;
- Tarte de cogumelos com queijo Roquefort;
- Tarte de salmão com queijo ricotta;
- Tostas de tomate com pasta de atum e queijo.

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

O Outono no restaurante River Lounge


Há sabores e cheiros que marcam o Outono. As paisagens mudam e parecem telas pintadas em tons de amarelo e dourado. Sente-se no ar o cheiro a terra molhada com as primeiras chuvas da estação. As folhas das árvores começam a cair. A terra renova-se. Acende-se a lareira para as noites que começam a ficar mais frias. Chegam os marmelos, as romãs, as castanhas, os dióspiros e nas artes da mesa, preparam-se também as carnes de caça. Estes são alguns dos sabores que caracterizam esta estação do ano.

E foi para provar a nova carta com os sabores de Outono, a convite da SANA Hotels, que fui visitar o restaurante River Lounge do hotel Myriad by SANA Hotels, em Lisboa, com uma vista privilegiada para o rio Tejo.


Sentados à mesa fomos recebidos de braços abertos por um duo de foie gras com pato e chutney de figo. Um prato visualmente bonito e com uma combinação de sabores deliciosa. O sabor do foie com o doce do figo é de comer e voltar a repetir.


A entrada servida foi atum marinado com cones, crocantes, recheados com abacate, diferentes beterrabas, manga, vinagrete de lima, gengibre e gel de maçã verde. Um prato muito colorido, com diferentes texturas, que me fez lembrar uma despedida de Verão. Foi acompanhado por um copo de vinho verde Soalheiro Primeiras Vinhas 2012. Um vinho que me conquistou, com um aroma elegante, fresco.


Pregado salteado com cogumelos porcinos, consommé trufado, batata vitelotte e espargos verdes, com molho de aves acidulado, foi o prato de peixe servido. Um prato com sabor a mar. O pregado parecia ter sido pescado horas antes. Este prato fez-me lembrar um passeio junto ao mar em que se sente uma brisa fresca, leve, que nos inspira e faz pensar que a vida é mesmo especial. Dona Berta Rabigato 2012 do Alto Douro, foi o vinho que acompanhou este prato.


O prato que, na minha opinião, procurou representar os sabores quentes do Outono foi o de perdiz recheada com foie gras assado, crumble de abóbora e maçã, marmelo e maçã confitada, kumquat e cardamomo. O peito de perdiz com o foie gras no meio tornou a carne suculenta e tão saborosa. Cada garfada foi uma viagem por bosques de carvalhos, cheios de folhas caídas, amarelas e vermelhas, num dia fresco, com a certeza de termos uma lareira acessa à nossa espera. O prato de tons quentes, revelou-se nostálgico como o Outono. Para acompanhar a perdiz foi-nos servido um vinho tinto Poeira 2011 do Douro.


Para sobremesa chegou à mesa um flan de maracujá com bouquet cítrico (laranja e toranja) aromatizado com especiarias e sorbet de manga. Um sobremesa fresca, que soube muito bem logo a seguir ao prato de carne. Soube a uma manhã de sol num dia fresco de Outono. O vinho escolhido para acompanhar a sobremesa foi um Porto com 40 anos, Vieira de Sousa Branco, que bateu palmas de alegria com os sabores do flan.


Gostei de voltar ao River Lounge e poder apreciar o trabalho do chef francês Frederic Breitenbucher que nos mostrou mais uma vez que cozinhar é uma arte.