Próximos Workshops
Lisboa 4 de Dezembro de 2016
Domingo:
10h00 - 13h00      Doces Tradicionais de Natal
Inscrições: escola@istofaz-se.pt   218 078 640 IstoFaz-se
Lisboa 10 de Dezembro de 2016
Sábado:
10h30 - 13h30      Receitas para a Mesa de Natal
 
 
14h30 - 17h30      Presentes de Natal
Inscrições: formacao@acpp.pt   21 362 2705 ACPP

segunda-feira, 9 de maio de 2016

Adeus Abril, que Maio seja um mês feliz


«Em Abril, águas mil», lá diz o ditado, mas entre chuva e dias bonitos de sol, andei de um lado para o outro. Fui visitar os meus pais a Santarém e como é habitual, depois do almoço gosto de brincar com os cães, de espreitar o galinheiro, de comer nêsperas junto à árvore - ali têm um sabor doce, tão bom! - e ver as coisas boas da horta que vão crescendo. Estes passeios transmitem-me tranquilidade, dão-me um certo conforto emocional que me faz sentir tão bem.

Abril foi um mês em que consegui ler Em Teu Ventre de José Luís Peixoto, uma versão da história dos três pastorinhos vivida pela mãe de Lúcia. A escrita de José Luís Peixoto, para mim, tem a capacidade de nos transportar, de nos fazer viver as narrativas de uma forma tão especial. Consegui ainda ler Os Assaltos à Padaria de Haruki Murakami, um livro que se lê de um fôlego com apenas dois contos e que em ambos há um assalto a uma padaria. É caso para dizer, o que a fome faz! Iniciado, mas ainda a terminar a última obra de Fortunato da Câmara, Manual para se Tornar um Verdadeiro Gourmet, um livro que esclarece alguns termos e questões para quem se interessa pelo mundo da gastronomia. Gostei também de ler Um manifesto contra os novos super alimentos, um artigo interessante e esclarecedor. Vivemos numa época onde se fala como nunca sobre alimentação, em que os escaparates das livrarias se enchem de livros com todo o tipo de dietas, onde as pessoas seguem certas tendências sem se questionar porque são supostamente  saudáveis. Equilíbrio e bom senso na alimentação, precisam-se e com urgência! Leiam o artigo.


Passei pelo evento Peixe em Lisboa que decorreu no Pátio da Galé, no Terreiro do Paço para um almoço com o chef Vítor Sobral a convite da Oliveira da Serra, onde aprendi um pouco mais sobre azeite. Estive também na masterclass da Nespresso com o tema Taste Coffee Like Wine, com o enólogo Domingos Soares Franco. A produção de vinho e a produção de café tocam-se em muitos aspectos. Provar um café como se fosse um vinho é uma viagem pelo complexo mundo dos aromas. Uma aula das melhores que tive nos últimos tempos. Estive também na apresentação da Nespresso Restaurant Week onde pude provar o resultado do trabalho de alguns chefs portugueses.


Cozinhei as primeiras favas da estação, que apanhei na horta com a minha mãe e onde acabamos sempre a conversar da vida. Fiz bolos, bolinhos, sopas e saladas. Fui jantar ao restaurante River Lounge do hotel Myriad, junto ao Tejo e que tem uma vista privilegiada para a ponte Vasco da Gama. O menu era dedicado ao café.

Estive pela primeira vez no Festival Internacional do Chocolate em Óbidos para um showcooking, num sábado de sol e céu azul. Apresentei duas receitas, um creme de abóbora assada picante com chocolate e um toque de magia ao estilo de Vianne Rocher, personagem principal da obra Chocolate, e um bolo húmido que é uma verdadeira tentação. Em Abril, apresentei também os meus livros Cozinha para Dias Felizes e Delicioso Piquenique na antiga biblioteca de Salvaterra de Magos, numa tarde com muitas conversas.


Às quartas-feiras é dia de levantar cedo e rumar até ao Porto. Documento todas estas viagens com uma foto antes de embarcar no comboio. É com muito entusiasmo que participo na rubrica de culinária do programa A Praça da RTP1, apresentado pela Sónia Araújo e pelo Jorge Gabriel, que me recebem sempre de forma muito calorosa. Este mês, no programa, confeccionei uma salada de polvo com a preciosa ajuda do compositor Tó Zé Brito, fiz uns beijinhos de coco com chocolate branco para comemorar o Dia do Beijo, apresentei a receita de peitos de frango recheados com farinheira e arroz de espinafres que fiz no workshop dos 10 anos do Cinco Quartos e Laranja, demonstrei como preparar o bolo tentação de chocolate, que é sempre uma delícia.

Numa das quartas-feiras tive o privilégio de conhecer pessoalmente a actriz brasileira Regina Duarte. Quem não se lembra da carismática viúva Porcina? Nesse dia, as músicas da novela Roque Santeiro não me saíram da cabeça! - De Volta Pro o Meu Aconchego - Lembram-se?


Despedi-me de Abril com um sorriso. Que Maio nos traga muita saúde, dias cheios de luz, gargalhadas de manhã à noite, almoços aos domingos com aqueles que nos são mais queridos, e trabalho. Com saúde e trabalho tudo o resto se faz!

4 comentários :

  1. Respostas
    1. Agnieszka,
      Obrigada.
      Igualmente.
      Um beijinho.

      Eliminar
  2. Maio maiuco..... o mês que canta o Cuco.....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria,
      o que eu me ri. Não conhecia a expressão!
      Um beijinho.

      Eliminar