Próximos Eventos
Lisboa 15 de Dezembro de 2017
6ª feira:
18h00 - 19h00      Showcooking Entradas e Petiscos de Natal
Entrada gratuita mediante inscrição: natal2017@jf-alvalade.pt   Restaurante Salsa e Canela
Chamusca 16 de Dezembro de 2017
Sábado:
17h00 - 18h00      Showcoking para Pais e Filhos
 
Porto 17 de Dezembro 2017
Domingo:
10h30 - 13h30      Workshop Receitas para Festas com Parmalat (manhã)
 
 
15h30 - 18h30      Workshop Receitas para Festas com Parmalat (tarde)

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Estupeta de atum


Todos os dias nos deparamos com as decisões de escolher o que comer às nossas refeições. E com a quantidade de informação sobre alimentação que nos chega ficamos muitas vezes na dúvida sobre o que devemos ou não comer. Se seguimos as tendências da moda, abandonando o nosso legado gastronómico ou se optamos por seguir a nossa tradição alimentar baseada na Dieta Mediterrânica / Atlântica. A minha linha orientadora, em termos de alimentação saudável, é seguir o nosso legado gastronómico e cultural, baseado em princípios de equilíbrio. É fazer uma alimentação com legumes, carne, peixe, pão e vinho. Iniciar as refeições com sopa. Comer mais peixe do que carne durante as refeições semanais. Incluir legumes a todas as refeições. Comer fruta, todos os dias. Gerir o consumo de sal, açúcar, fritos e enchidos. Privilegiar o uso do azeite.

As cozinhas são dinâmicas. Há maior circulação e oferta de produtos nos mercados. E podemos aproveitar esta abundância para recuperar o que temos de bom na nossa tradição gastronómica, fazer adaptações, melhorar práticas e assim conseguirmos fazer uma alimentação saudável, ajustada às exigências da vida moderna. A cozinha e a alimentação não se fazem apenas de produtos. É importante cultivar os momentos passados em família à volta da mesa. O acto de partilhar uma refeição é uma forma de transmitir valores, princípios aos mais novos. Se cada um come onde quer. No quarto, em frente ao computador, ou a jogar no telemóvel, deste modo perde-se o valor da refeição, o valor dado à escolha dos alimentos e promove-se a desregulação das práticas alimentares no seio familiar. Comer em família é mágico! É uma forma de reforçar laços.

Uma das receitas que faz parte da nossa tradição gastronómica e que se enquadra no espírito de uma alimentação saudável, é a estupeta de atum. Conhecem? Tradicional do Algarve, onde era feita com atum de salga húmida. A receita que vos deixo, hoje, foi adaptada de uma que aprendi com o chef João Santos. Quem quer experimentar?


Estupeta de atum

Ingredientes para 4 pessoas:
850 g de atum
115 ml de azeite
Sumo de 1 limão
1/2 pimento verde
4 tomates
1 cebola
2 dentes de alho
40 ml de vinagre de vinho tinto
Sal grosso e pimenta-preta q.b.


1. Colocar o atum em água fria durante mais ou menos 20 minutos para sangrar. Se a água ficar turva, mudá-la.

2. Retirar a pele a algum pedaço negro que o atum possa ter.

3. Cortar o atum em bifes com aproximadamente 1 cm a 1,5 cm.

4. Levar ao lume uma frigideira com 35 ml azeite. Assim que estiver quente colocar os bifes de atum e deixar alourar de ambos os lados. Os bifes não devem cozinhar na totalidade, o interior deve ficar cru.

5. Colocar os bifes em papel absorvente. De seguida, colocá-los numa travessa e temperar com sal grosso e sumo de limão. Tapar a travessa e deixar a tomar sabor durante pelo menos 30 minutos.

6. Cortar a cebola em meias luas finas. Adicionar os dentes de alho espremidos, o tomate picado, limpo de pele e sementes, e o pimento verde picado. Temperar com sal, pimenta, azeite e vinagre. Mexer e deixar descansar durante 10 minutos.

7. Desfazer grosseiramente os bifes de atum com as mãos. Juntá-los à mistura de legumes. Mexer. Se necessário rectificar os temperos e servir.


Servi a estupeta com rúcula selvagem.

2 comentários :

  1. Adorei o texto, mas realço a frase, "Comer em família é mágico.".

    Cá em casa, temos a mesmo política. Quando estamos à mesa, não há telemóveis, nem televisão, nem outras coisas do género.

    Não conhecia e salvo erro, nunca tinha ouvido falar em estupeta. No entanto, pelo que nos apresentas hoje, deve ser bastante saborosa. Gostei, tem aspecto de uma salada. Boa sugestão. beijinhos

    https://saboresdoninho.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sabores do Ninho,
      obrigada! :)
      Um grande beijinho.

      Eliminar