Próximos workshops
Porto 22 e 23 de Novembro de 2014
Sábado:
10h30 - 13h00      Entradas e Aperitivos para Festas
 
 
15h30 - 18h00      Doces de Natal
 
Domingo:
10h30 - 13h00      Receitas para Ofertas de Natal
Inscrições limitadas 25  work@sott.pt   91 700 1802 espaço WORK IT
Lisboa 29 de Novembro de 2014
Sábado:
10h30 - 13h00      Entradas e Aperitivos para Festas
 
 
14h30 - 17h00      Doces de Natal
Inscrições limitadas 30  formacao@acpp.pt   21 362 2705 ACPP

quinta-feira, 2 de Agosto de 2012

Damm, mestres cervejeiros


O pôr-do-sol fazia-se sentir com raios de luz em tons de laranja-avermelhado. Ao fundo o mar, molhava a areia num vai e vem tranquilo. O céu sem nuvens anunciava uma noite quente e agradável. Ao contrário dos veraneantes que com as toalhas nos braços, chinelos e vestígios de areia começavam a regressar a casa, o Ricardo e eu, chegávamos, ao final da tarde, à praia da Torre para um evento especial, a festa da cerveja Damm, no BBeach Oeiras Club, para a qual fomos convidados.


Cá em casa, normalmente, preferimos vinho. Quando organizamos um jantar, a escolha do vinho é uma preocupação. Quando vamos jantar ou almoçar fora, pedimos sempre a carta de vinhos. E por que não, cerveja? Gostamos de cerveja, mas curiosamente não pensamos em servir cerveja quando fazemos uma refeição em casa ou pedir quando comemos fora. Escolhemos cerveja, principalmente no verão, quando nos encontramos com amigos numa esplanada para acompanhar um prato de tremoços ou um petisco. Que bem que sabe com uns caracóis! Apesar das minhas opções por cerveja serem perfeitamente enquadradas em determinadas situações, o que é certo é que ia cheia de curiosidade para provar as famosas cervejas Damm.

Para acompanhar a prova das cinco cervejas Damm estavam disponíveis vários aperitivos, saladas, pratos quentes e no final, não resisti a provar as sobremesas. Num ambiente de festa, com pessoas a circular de um lado para o outro, a primeira cerveja que provei foi a Estrella Damm, uma cerveja com uma cor dourada e com um agradável sabor a lembrar especiarias. Combinou na perfeição com uns canapés de sardinha com pimento vermelho, que estavam magníficos e que repeti. Depois escolhi para comer uma salada fria de carnes e para beber foi a vez da cerveja Bock Damm, uma cerveja preta com sabor intenso, ligeiramente torrado.


Com os pratos quentes optei pela Voll-Damm, uma cerveja de tom alaranjado e com um sabor forte e intenso. Antes de passar para as sobremesas ainda provei a cerveja Free Damm sem álcool. Fresca. Muito agradável.


Mas para mim, a estrela da noite foi mesmo a Inedit. Uma cerveja desenvolvida em parceria com Ferran Adrià, Juli Soler e os mestres cervejeiros da Damm. A ideia foi criar uma cerveja que pudesse acompanhar os pratos da alta cozinha em alternativa ao vinho. A cerveja é vendida em garrafas a lembrar as do vinho e e aconselha-se que seja servida em copos de vinho branco. É uma cerveja que se bebe muito bem, com notas de citrinos, principalmente a laranja e coentros. É uma cerveja com um aroma frutado muito agradável, tanto que tive que provar mais do que uma vez.


Depois desta Inedit, a minha ideia em relação à cerveja acompanhar uma refeição alterou-se. Esta experiência, fez-me mudar de ideias.

13 comentários:

  1. O mundo da cerveja é fascinante, de facto! Lá em casa tenho um apreciador ;)
    Quer dizer que o BBeach Oeiras club tem sempre estas cervejas?
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana,

      eu penso que sim. Depois da festa ter terminado, o BBeach estava a vender estas cervejas.

      Um beijinho.

      Eliminar
  2. Lindo cantinho! Este verão vamos passar uns dias a Lisboa, talvez tenhamos tempo para um saltinho a Oeiros e saborear um DAmm , beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sabor a Casa,

      se tiveres tempo passa por Oeiras. O Bar fica junto à praia e tem também espaço para jantar. Vale a pena.

      Um beijinho e boas férias.

      Eliminar
  3. Olá,
    Para obter algumas dicas sobre a forma como cada tipo de cerveja pode combinar com determinado prato, aconselho a leitura deste artigo: http://www.brejas.com.br/harmonizacao-cerveja.shtml

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá,

      muito obrigada pela indicação do artigo. Gostei muito.

      Eliminar
  4. Mas que rica festarola! Confesso não ser grande apreciadora de cerveja (eu cá sou mais vinho ... ) mas vou experimentar!
    Jokas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Flor de Sal,

      eu também sou mais vinho, mas gostei muito desta cerveja. Leve. Sem aquele sabor forte a cevada. Bebe-se bem demais! ;)

      Um beijinho.

      Eliminar
  5. Eu disse-te que essa é A cerveja

    homem sem blogue
    homemsemblogue.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Homem Sem Blogue,

      é verdade. É mesmo A cerveja. Adorei.
      Um beijinho.

      Eliminar
  6. Opa...coloquei meu comentário no post de baixo...mas é daqui...
    No fim de tarde essa cerveja...e os petiscos...amei!
    Beijos e um ótimo final de semana!
    CamomilaRosa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá CamomilaRosa,

      muito obrigada.

      Um beijinho.

      Eliminar