Próximos Eventos
Lisboa 23 de Novembro de 2019
Sábado:
10h00 - 13h30      Workshop Salgadinhos para Dias de Festa
 
 
15h00 - 19h00      Workshop Vamos Fazer Pão?
Inscrições/Vouchers: escola@istofaz-se.pt   218 078 640 IstoFaz-se

quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Creme de couve-flor com abóbora e cenoura


Adoro sopas. Vivemos numa época em que, felizmente, temos uma grande variedade de produtos, à venda, incluindo frescos. Por isso, variarmos as nossas sopas é um imperativo.

Todas as semanas, faço, pelo menos uma, sopa. Cá em casa, gostamos de começar as refeições com um prato de sopa e há dias, em que a sopa, só por si, é a refeição.

As sopas sabem bem durante o ano todo, mas agora, no Outono e no Inverno, sabem ainda melhor. Deixo-vos, hoje, a receita de um creme de couve-flor com abóbora e cenoura. Um prato de sopa a fumegar num dia de Outono, frio e chuvoso, sabe tão bem! Reconforta-nos a alma.

terça-feira, 19 de novembro de 2019

Pasta de salmão


Rentabilizar o que cozinho, é muitas das vezes, um dos meus lemas. Por outro lado, a comida que temos em casa é fruto do nosso investimento, é o nosso dinheiro, e por este e muitos outros motivos, só faz sentido aproveitar tudo o que temos. Quando nos sobra carne de uma refeição, temos quase sempre ideias sobre o destino que lhe queremos dar. Optamos tantas vezes por saladas, sandes, wraps, um à Brás ou omeletes. E quando as sobras são de peixe?

Na cozinha, a ideia é não desperdiçar. Deixo-vos, hoje, uma receita muito prática para quando têm sobras de salmão cozido ou assado. Pode ser servida como entrada num dia de festa ou para uma refeição ligeira em família.

segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Workshop Celebrar o Natal com Parmalat, em Lisboa


O Natal é uma das épocas mais bonitas do ano. Por isso, vamos celebrar! No sábado, dia 30 de Novembro de 2019, vamos ter dois workshops Celebrar o Natal com Parmalat, que irão decorrer em Lisboa, no Lisbon Cooking Academy. O primeiro workshop terá lugar de manhã, das 10h30 às 13h30 e o segundo, realizar-se-á à tarde, das 15h30 às 18h30.

Iremos preparar receitas práticas alusivas à quadra festiva que se aproxima, em que cada uma delas terá como ingrediente um produto Parmalat. Iremos encher a nossa mesa de festa com entradas, pratos principais e sobremesas. Vamos confeccionar cerca de seis receitas. As receitas serão iguais em ambos os workshops.

Aproveitem esta deliciosa oportunidade. Serão workshops muito especiais e únicos. No final, degustaremos todos os pratos confeccionados em jeito de festa.

A Parmalat vai oferecer convites duplos aos leitores do Cinco Quartos de Laranja para ambos os workshops. O convite está feito. Quem quiser participar e viver esta experiência, deverá:

- Levar consigo um exemplar do meu livro Petiscos do Rio e do Mar;

- Inscrever-se através do preenchimento do formulário a seguir apresentado, até às 24h do dia 26 de Novembro de 2019.

Serão seleccionados aleatoriamente 9 convites duplos por workshop. Os contemplados serão contactados, a partir do dia 27 de Novembro de 2019. Cada convite é válido para duas pessoas.

Sábado, dia 30 de Novembro, vamos Celebrar o Natal com Parmalat! Inscrevam-se!


sexta-feira, 15 de novembro de 2019

O workshop Natal com Activa Vita D, em Lisboa, foi assim


A Activa Vita D é levedura de padeiro seca, enriquecida com vitamina D, isenta de glúten. Esta vitamina, essencial à saúde humana, é sintetizada pelo nosso corpo depois da exposição solar directa. Mesmo vivendo num país com muitos dias de sol, não nos expomos assim tanto à luz solar, ao longo do ano, como seria de esperar. Em casa, podemos usar a Activa Vita D nas nossas massas. Esta levedura tem sabor neutro.

As massas lêvedas são sempre um desafio. Mas quando as compreendemos, começa a acontecer magia. Conseguirmos colocar pão feito por nós na mesa, para a família, é um acto de amor, de partilha. No passado dia 2 de Novembro, dia em que se comemora o Dia Internacional da Vitamina D, teve lugar o workshop Natal com Activa Vita D, cá em Lisboa.

Aos poucos começamos a preparar o Natal. As massas lêvedas costumam fazer parte desta quadra festiva e neste delicioso workshop procurámos preparar várias receitas a pensar nos dias de festa que se avizinham. Preparámos massas doces e salgadas.


Durante cerca de quatro horas, preparámos tanta coisa boa! Começámos por fazer mini bolos-rei. Estes bolos podem ser uma opção para colocar na mesa de Natal ou para oferecer. Dentro de uma embalagem bonita tornam-se um presente tão especial.

Fizemos bolo rainha, que é também uma boa escolha para colocar na mesa de Natal. Preparámos um bolo coroa de Natal e uma coroa recheada com creme de avelãs. Ficaram lindas!

Mas a mesa de Natal não vive, só, de doces. Preparámos duas massas lêvedas salgadas que podem ser servidas como entrada na quadra que se avizinha. Preparámos pão com queijo, mais precisamente, bolinhas de pão com tomilho e alecrim com um queijo Camembert no centro. Para além de surpreender, fica tão bom!


Uma das estrelas deste workshop foi um magnífico e bolo-rei salgado. Para além ser uma verdadeira tentação, fica lindo e muito saboroso.

No final do workshop, degustámos tudo o que foi preparado entre muitas conversas e boa disposição. Estes momentos de convívio são uma forma de construirmos memórias.

Um muito obrigada a todos os que participaram neste evento. Um agradecimento especial à Lallemand e à Activa Vita D por nos terem proporcionado esta experiência única!

quarta-feira, 13 de novembro de 2019

Meal prep, como seleccionar as receitas?


Meal Prep é um método que nos ajuda a organizar e a preparar as refeições da semana. Neste método podemos cozinhar as refeições para todos os dias da semana ou, podemos pré-preparar componentes e depois conjugá-los. Esta é a linha que eu sigo e que vos aconselho, porque me dá mais liberdade de escolha. Por exemplo, estufamos carne, cozemos massa, e assamos legumes no forno. Num dia, sirvo a carne com a massa e uma salada. No outro, sirvo-a com a massa e os legumes. E ainda consigo no dia seguinte, fazer uma frittata juntando tudo. Para mim, uma das grandes vantagens deste método é conseguirmos rentabilizar a comida que pré-preparámos usando-a em mais do que uma refeição, variando o que comemos.

Fazer pré-preparações, no início, pode parecer intimidatório. Por onde começar? Que receitas preparar? - são algumas das questões que colocamos logo.


Como seleccionar as receitas?

1) Comecem por anotar as receitas preferidas da família;

2) Procurem novas receitas e ideias em revistas, livros ou em blogues. No Cinco Quartos de Laranja encontram mais de 3.000 receitas para se inspirarem. Podem, também, consultar alguns dos meus livros, cheios de receitas práticas. Por exemplo, o Cozinha para Dias Felizes, Delicioso Piquenique ou O Livro de Petiscos da Isabel.

Comecem com receitas que conhecem e que a família gosta. É mais fácil, do que começar com receitas novas ou com ingredientes que não estão habituados. Simplificar, é uma das palavras chave para quem quer começar a fazer as pré-preparações para as refeições da semana.

Não queiram fazer, logo, muita coisa. Comecem aos poucos. Ganhem prática. Na primeira semana, façam uma sopa. Assem carne ou peixe. Cozam uma massa. Façam gelatina ou fruta assada a pensar nas sobremesas ou nos lanches. Para quem vai começar, poderá já ser o suficiente. Na semana seguinte, cozam ovos, lavem e preparem legumes para as saladas. Cozinhem em doses extra e congelem. Aos poucos, ganham confiança e começam também a perceber, de forma mais eficaz, as necessidades alimentares da família.


5 receitas para quem quer começar a praticar meal prep:
- Sopa de agrião;
- Bolonhesa de atum;
- Caril de lentilhas;
- Choquinhos guisados com tomate;
- Massa com atum e ervilhas.


No próximo dia 16 de Novembro de 2019, das 10h às 13h30, irá decorrer no Porto, o workshop Pré-preparações das Refeições da Semana no WORK espaço criativo. As inscrições já se encontram abertas.

terça-feira, 12 de novembro de 2019

Bacalhau com amêijoas e grão-de-bico


Nos últimos dias, tenho andado de um lado para o outro. Na passada sexta-feira fui para a Praia da Vitória, na Ilha Terceira, para participar no festival literário Outono Vivo. Para além de uma entrevista para o programa Atlântida, apresentado por Sidónio Bettencourt, tive ainda a possibilidade de falar do livro Petiscos do Rio e do Mar, feito em co-autoria com Virgílio Nogueiro Gomes. Regressei no domingo à noite, mas antes, deliciei-me com o bom tempo e com muitas das coisas boas que a Ilha Terceira nos tem para oferecer.

Na segunda-feira, rumei para o Porto. Voltei ao programa Praça da Alegria para confeccionar um perfumado caril de peru com abóbora e lentilhas vermelhas. Viram? É um prato de conforto para esta altura do ano.

Ao regressar, ontem, a casa, decidi preparar uma receita que se faz, num abrir e fechar de olhos. Sempre que posso gosto de ter pré-preparações já feitas ou comida no congelador à espera de dias em que não tenha tempo para estar na cozinha. Para além disso, gosto de ter, também, alguns ingredientes que me permitam preparar uma refeição rapidamente. Todos os anos faço molho de tomate e congelo em doses. Gosto de demolhar e congelar bacalhau. Gosto de ter algumas embalagens de produtos congelados que considero práticos no momento de cozinhar, principalmente nos dias em que temos pouco tempo, como ervilhas, couves de Bruxelas, milho, salmão, amêijoas ou bacalhau desfiado fresco.

As nossas cozinhas reflectem a nossa vida. Há dias, em que queremos que a comida chegue à mesa com um estalar de dedos. Se tivermos preparados, conseguimos!

segunda-feira, 11 de novembro de 2019

Granola com tâmaras, chocolate e caju


O pequeno-almoço é uma refeição que valorizo. Por norma, gosto de tomar o pequeno-almoço em casa. E quando sei que de manhã vou ter pouco tempo, costumo deixar logo tudo preparado de véspera.

Para os pequenos-almoços costumo fazer panquecas, waffles, pudins de chia, overnight oats. Gosto de ter no frigorífico ovos cozidos, iogurte e queijos. Na despensa, procuro ter flocos de aveia e granola.

A granola é, muitas vezes, feita por mim. Ao fazermos a nossa comida, temos a vantagem de escolhermos os ingredientes e decidirmos, neste caso, por exemplo, se queremos mais ou menos doce, mais ou menos frutos ou frutas secas. Podemos juntar mais canela, gengibre, raspa de um citrino, entre muitas outras hipóteses. Fazermos em casa a nossa granola permite-nos variar as combinações e ajustá-las ao nosso gosto.

Para os pequenos-almoços ou lanches da semana, deixo-vos uma receita de granola com tâmaras, chocolate e caju. Fica deliciosa.

quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Creme de cenoura e cherovia assadas


Ir ao Porto é, sempre, tão gratificante. Ontem, voltei para participar no programa Praça da Alegria da RTP. Preparei um prato rápido para o jantar. Depois de um fim-de-semana prolongado, sabe bem colocar o jantar, na mesa, para a família, sem perder muito tempo.



A comida tem o poder de nos inspirar, reconfortar. Consegue trazer alegria aos nossos dias. Sempre que viajo, uma das coisas que quero comer, assim que chego, é sopa. Um prato de sopa, feita com legumes, é verdadeiramente mágico.

Gosto de ir variando as minhas sopas. Na última que fiz, juntei cherovias e cenouras. Ficou tão boa! As sopas de legumes assados ficam ainda mais saborosas.

segunda-feira, 4 de novembro de 2019

Bolo de chocolate com azeite


No dia 1 de Novembro, celebra-se o Dia Mundial do Veganismo ( World Vegan Day ). Segundo a Wikipedia, « Veganismo é uma ideologia de vida que procura excluir, na medida do possível e do praticável, todas as formas de exploração animal, seja na alimentação, vestuário ou qualquer outro meio. Os veganos não consomem alimentos de origem animal, como carne (incluindo peixes, moluscos e insetos), laticínios, ovos e mel - além de evitar materiais derivados de animais, produtos testados em animais e lugares que usam animais para entretenimento ».

Faço uma alimentação omnívora, de inspiração mediterrânica e atlântica, que inclui carne, peixe, cereais e legumes. No entanto, tento, muitas vezes, fazer refeições sem carne e sem peixe. Como sabem, sou uma defensora do consumo de legumes. Até os costumo incluir nos meus pequenos-almoços.

Para assinalar esta data, a Oliveira da Serra desafiou-me a preparar uma receita. Resolvi fazer um tentador bolo de chocolate com azeite!