Próximos Eventos
Lisboa 22 de Julho de 2017
Sábado:
10h00 - 13h00      Showcooking com produtos da estação
Entrada Gratuita Mercado de Alvalade

terça-feira, 30 de agosto de 2016

Pregado no forno com azeite de coentros e tomate cereja


O peixe faz parte de muitas refeições cá em casa. Ora são filetes panados ou feitos no forno, salmão grelhado para acompanhar uma salada ou para incluir num prato de massa, ora é peixe cozido ou assado no forno. Para assar no forno adoro usar peixes inteiros. Acho que tem um certo encanto assar um peixe inteiro para toda a família.

Há uns tempos atrás participei num workshop no Mercado da Ribeira a convite da Pescanova. O peixe a cozinhar era pregado. Confesso que até essa altura a minha relação com este peixe era quase nula. Lembro-me de uma ou outra vez, ter comido, em filetes, num restaurante e pouco mais. Mas ali no workshop cozinhámos em papelote uma posta de pregado e adorei. Para além do sabor e suculência do peixe, o que também me surpreendeu foi o facto de o pregado ser fresco. Sim! Encontra-se à venda fresco nas peixarias dos supermercados, nos mercados e praças. Ao comprar, peçam para amanhar o peixe.

O peixe é criado pela Pescanova em aquacultura em Mira, perto de Aveiro. A carne do pregado é muito branca, suculenta e firme, por isso adapta-se facilmente a múltiplos cozinhados. Depois do workshop fiquei com vontade de o experimentar cá em casa.


A receita que hoje vos trago é pregado assado no forno inteiro com azeite de coentros e tomate cereja. Um prato cheio de sabor! Preparei esta receita para a rubrica da Pescanova.


Pregado no forno com azeite de coentros e tomate cereja

Ingredientes para 4 pessoas:
1 pregado fresco Pescanova
2 dentes de alho
1 ramo de coentros
115 ml de azeite
200 g de tomate cereja
Sal e pimenta-branca q.b.
1/2 limão


1. Colocar os dentes de alho num copo com as folhas de coentros, pimenta a gosto e o azeite. Triturar com a ajuda da varinha mágica.

2. Dar uns golpes na superfície do peixe previamente amanhado. Temperar com sal.

3. Colocar um fio de azeite de coentros num tabuleiro de forno. Dispor o peixe.

4. Colocar o tomate cereja cortado ao meio em volta do peixe. Regar tudo com o restante azeite de coentros.

5. Levar ao forno pré-aquecido a 180ºC durante aproximadamente 25 minutos. Regar o peixe com um pouco de sumo de limão a gosto e servir.


Servir o pregado com batata e brócolos cozidos.

11 comentários :

  1. Que maravilha!! Que bom aspecto!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá,
      Fica tão bom o pregado assim. A carne deste peixe é muito suculenta.
      Um beijinho.

      Eliminar
  2. Delicioso!!! Vou experimentar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá,
      cá em casa peixe assado no forno é sempre bem-vindo e este pregado foi um sucesso. Adorámos.
      Um beijinho.

      Eliminar
  3. Hum...tem um ar delicioso!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada.
      Aconselho a experimentar. O pregado é um peixe muito saboroso.
      Um beijinho.

      Eliminar
  4. É tudo o que a gastronomia portuguesa tem de bom e que eu adoro: peixe, azeite e aromas mediterrânicos!
    Beijinho. Susana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deliciosa Paparoca,
      cá em casa adorámos este prato.
      Um beijinho.

      Eliminar
  5. Adoro Pregado, linguado, solha..... rodovalho e afins.....
    este tem muito bom aspeto .... bjs

    ResponderEliminar
  6. Apenas uma nota: os tanques na aquacultura de Mira usam água do mar, que é bombeada através de um pipeline de e para os tanques onde são criados os peixes. A diferença que isto faz é que o peixe não tem aquela textura e sabor próprios dos peixes alimentados artificialmente. É tão saboroso quanto qualquer peixe capturado no mar.

    ResponderEliminar