sexta-feira, 17 de Julho de 2009

Salada de grão com chispe

Chispe de porco não é uma parte do porco que entre muito cá em casa. Há uns tempos atrás decidi comprar um chispe para assar no forno. Lembro-me que quando partilhei casa com a São, minha colega de curso, numa das nossas muitas jantaradas, ela ter feito chispe assado no forno. E que bom que ficou! Passados tantos anos, esse assado de chispe ainda anda na minha memória.

Mas como tantas outras vontades e intenções, vai passando a oportunidade e o hoje passa para amanhã e o amanhã para a semana e, assim sucessivamente. Agora que ando a dar volta ao congelador, eis que chegou a vez do chispe, mas não do assado. Curiosamente esta semana também cozi um quilo de grão e achei que deveria fazer receitas para usar o grão cozido e não encher com ele as gavetas do congelador que ando a tentar esvaziar. Pois bem, chispe e grão soa-me a uma combinação interesssante. E salada de grão com chispe?

Confesso que grão, chispe e salada na minha cabeça não pareciam combinar lá muito bem. Soava-me um pouco estranho, mas tinha que encontrar uma solução. Não poderia andar a semana inteira a comer grão guisado com chispe, outra das alternativas que encontrei para o chispe e o grão.

A receita da salada de grão com chispe foi encontrada aqui. Não sei muito bem como ali fui parar, mas apesar de à primeira impressão não me parecer lá muito apelativo, como já referi, não coloquei a ideia de lado e resolvi experimentar.


Ingredientes:
3 rodelas de chispe
500 g de grão cozido
6 pepinos em pickles
2 colheres de sopa de azeitonas pretas às rodelas
16 azeitonas verdes recheadas com pimento vermelho
1 cebola
1 dente de alho
coentros frescos
1 tomate
6 folhas de alface
azeite
vinagre de vinho branco
pimenta de moinho
sal (facultativo)


1. Cozer as rodelas de chispe em água temperada com sal.

2. Depois do chispe cozido, retirar as gorduras e cortar a carne em pedaços pequenos para uma taça. Adicionar o grão cozido.

3. Picar a cebola, o dente de alho e cortar o tomate em pedaços pequenos. Juntar à carne.

4. Adicionar as azeitonas e os pepinos picados. Mexer.

5. Juntar um raminho de coentros picados e a alface.

6. Temperar com pimenta, azeite e vinagre a gosto.

Como as azeitonas já têm muito sal, nesta salada não temperei com sal. As quantidades dão para três a quatro pessoas.

A salada fica muito agradável. A carne da zona do chispe é muito saborosa no entanto, como tem muita gordura, só costumamos usá-lo, cá em casa, no cozido à portuguesa, mas o assado de chispe no forno não ficou esquecido. Foi apenas adiado.

8 comentários:

  1. Parece realmente uma combinação um pouco estranha, mas ficou com um aspecto muito bom. É preciso é inovar :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  2. uma boa combinação, sim senhor... ficou um prato com cara de alentejo!

    ResponderEliminar
  3. hummm um sabor tão português feito de modo muito original!!! Adorei a Sugestão!

    ResponderEliminar
  4. Tal como tu, só costumo comer no cozido e não é sempre. Prefiro orelha por ter menos gordura. Mas já comi em salada só com molho verde e é muito bom. Como gosto de grão, adorei a sugestão :)

    ResponderEliminar
  5. Uma boa sugestão para estes dias de calor.....
    Obrigado...

    ResponderEliminar
  6. adorei!!!!
    linda, fantástica e fresca... gostei mesmo.

    ResponderEliminar
  7. Para quem gosta de recordar o nosso clube em imagens, recordando as nossas vitórias e glórias, visite o Armazém Leonino. Julgo que passará alguns momentos nostalgicos. Peço desculpa pela intromissão!

    http://armazemleonino.blogspot.com

    para apaixonados por cromos,jornais antigos, relatos de futebol, revistas antigas, etc... visite!

    ResponderEliminar
  8. eu adoro Chispe!! Adoro! este prato para estes dias quentes é divinal! tas de parabens como sempre! Beijoka

    ResponderEliminar