Próximos Workshops
Lisboa 10 de Dezembro de 2016
Sábado:
10h30 - 13h30      Receitas para a Mesa de Natal
 
 
14h30 - 17h30      Presentes de Natal
Inscrições: formacao@acpp.pt   21 362 2705 ACPP
Lisboa 11 de Dezembro de 2016
Domingo:
10h30 - 11h30      Pequeno-almoço no dia de Natal na loja Maria Granel
Lisboa 18 de Dezembro de 2016
Domingo:
10h30 - 12h00      Presentes de Natal na mercearia Morteiro & Santos

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Mão de borrego assada no forno


O mês de Agosto é o mês de férias por excelência. Quando fico em Lisboa nesta altura do ano noto tanto. Há menos trânsito. Nos transportes públicos e em alguns locais emblemáticos, encontramos um mar de turistas. Eu também gosto de fazer de turista, em Lisboa, nesta altura do ano. Passeio pelo Chiado. Paro numa das gelatarias. Sento-me numa esplanada a tomar uma bebida fresca. Entro nas livrarias. Escrevo postais. Sabe tão bem!

Nesta altura do ano gosto de receber amigos em casa. Uma travessa na mesa, pão fresco, uma garrafa de vinho e muita alegria. Não é preciso muito para fazermos de uma refeição um momento especial. Um dos pratos que fiz para partilhar num destes dias foi uma mão de borrego assada no forno. Digo-vos, não sobrou nada para contar a história!


Mão de borrego assada no forno

Ingredientes para 4 pessoas:
1,350 g de mão de borrego
3 dentes de alho
2 folhas de louro
1 colher de chá de paprica
Sumo de 1 limão
500 g de batatas
50 g de azeitonas
1 curgete
1 ramo de tomilho
200 ml de vinho branco
100 ml de azeite
Sal e pimenta-preta q.b.


1. De véspera temperar a carne com os dentes de alho picadinhos, pimenta-preta a gosto, as folhas de louro, a paprica e o sumo de limão.

2. Cortar as batatas em gomos e dispor num tabuleiro. Por cima colocar a curgete cortada às rodelas com a casca. Dispor a carne com a marinada por cima dos legumes.

3. Juntar as azeitonas e o tomilho. Temperar com sal. Regar com o vinho branco e de seguida com o azeite.

4. Tapar o tabuleiro com papel de alumínio e levar ao forno pré-aquecido a 200ºC durante 40 minutos.

5. Retirar o papel, virar a carne. Deixar assar mais 50 minutos ou até a carne estar dourada e tenra.

4 comentários :

  1. Confesso que não sou grande fã de borrego mas como... Com esse aspeto comeria de certeza, com vontade porque com os olhos já o devorei. :D

    Beijinho

    Postigo dos meus doces

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Céu,
      adoro borrego, mas daqueles criados no campo. :)

      Eliminar
  2. Ora aí está aí uma coisa que nunca experimentei.
    Belo assado.

    Beijinhos,
    Clarinha
    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2016/08/dia-um-na-cozinha-e-gelados-caseiros.html

    ResponderEliminar