10h30 - 13h00      Conservas Portuguesas na Ementa
 
15h00 - 17h30      Doçaria Tradicional Portuguesa
Inscrições limitadas   work@sott.pt   91 700 1802 espaço WORK IT

quarta-feira, 28 de Dezembro de 2011

Livros, leituras e bolachas de melaço com especiarias


Os livros fazem parte do meu dia-a-dia. Por norma ando sempre a ler um livro e muitas vezes, mais do que um, quando os temas são diferentes.

Dos livros que coloquei na minha lista de desejos para 2011 consegui ler:

- The Sweet Life in Paris de David Lebovitz. Neste livro, David Lebovitz conta-nos algumas das suas experiências da sua vida em Paris. Um olhar especial e divertido sobre os parisienses. Do livro fiz um delicioso pão de especiarias;

- Garlic and Sapphires de Ruth Reichl. Fazer crítica gastronómica não é fácil. É o que nos diz Ruth Reichl neste livro que nos relata as suas aventuras quando escrevia para o New York Times. Aventuras, porque para conseguir fazer o seu trabalho, Ruth teve que se disfarçar. O livro conta-nos esse processo, os restaurantes que visitou e como criou diferentes personagens.

- My Life in France de Julia Child e Alex Prud'Homme. A vida de Julia Child é inspiradora, pelo menos para mim. Quando penso em Julia, penso numa mulher corajosa, trabalhadora e muito honesta no que fazia e na relação com os outros. É um exemplo de vida e de como podemos mudar de vida;

- Fisiologia do Gosto de Brillat-Savarin. Deste livro gostei principalmente da 2ª meditação onde nos fala do gosto.

Para além destes, outros livros marcaram as minhas leituras deste ano. E são:

- As Aventuras da Carne de Julie Powell. O título do livro chamou-me a atenção, descreve a experiência da autora num talho nos EUA. Daí parte numa viagem pelo circuito da carne que a leva à Argentina, Ucrânia e Tanzânia;

- Receitas de Amor de Anthony Capella, este livro é um hino à cozinha italiana e romana, em particular. Dava um excelente filme;

- Os Vários Sabores da Vida de Anthony Capella. Depois de ler este livro, estive mais atenta ao sabor ou melhor, aos vários sabores do café. Tive que fazer receitas com café;

- A viagem dos cem passos de Richard C. Morais. Ajuda-nos a compreender um pouco o mundo da chamada alta cozinha. Ter estrelas e manter as estrelas não é tarefa fácil;

- Picante por várias autoras portuguesas. Um livro de contos que mistura o sabor do picante com histórias da vida. Cada conto tem uma receita, picante;

- Cozinha d'amigos de Miguel Sousa Tavares. Um livro que reflecte a cozinha do autor. A sua maneira de estar e de pensar, o apreço pelas coisas da terra e que a natureza oferece, especialmente a caça;

- Papa Quilómetros de Ljubomir Stanisic e Mónica Franco. Cruzei-me há uns anos com a Mónica e com o chef jugoslavo num curso que me levou a ir ao mercado da Ribeira fazer compras e visitar a cozinha do restaurante 100 maneiras Bairro Alto. Assim que abriu, visitei o Bistro 100 maneiras e reafirmei o meu apreço pela cozinha de Ljubomir Stanisic. Agora volto-me a encontrar com o chef Ljubomir e hoje sua mulher, a jornalista Mónica Franco, numa viagem pelos sabores de Portugal. Uma viagem cheia de receitas com produtos regionais, sem esquecer as origens jugoslavas do chef. Um livro que nos leva a querer conhecer melhor Portugal e que dá uma fome!;

- Velocidade Colher, entre tachos e Bimby, o livro da minha querida amiga Susana Gomes. Um livro cheio de bom gosto, que transmite uma enorme alegria pelo mundo dos sabores, que nos impulsiona a ir para a cozinha e que afirma a paixão pela vida, pelo prazer das coisas boas e genuínas.

Para o ano espero ler alguns dos restantes livros da lista de 2011, eu digo alguns pois sei que outros entretanto virão e passarão à frentes destes. No Natal, embrulhados em papel bonito chegaram:

- Jenis, Splendid Ice Creams at Home de Jeni Britton Bauer;

- The Fat Duck Cookbook de Heston Blumenthal;

- Heston Blumenthal at Home de Heston Blumenthal;

- The Country Cooking of Italy de Colman Andrews;

- Bocca Cookbook de Jacob Kenedy.

Todos os anos costumo fazer uma lista de livros que peço ao pai Natal cá de casa, mas na grande maioria das vezes, troca-me as voltas, seleciona apenas um ou dois da minha lista e escolhe ele os restantes livros que me oferece. Apesar de eu resmungar baixinho, sei que está no seu direito e surpreendo-me sempre com as suas escolhas!

A leitura é uma forma de partilha. Neste Natal, ofereci livros e partilhei também, com alguns amigos estas deliciosas bolachas em forma de pinheirinhos.


Bolachas de melaço com especiarias

Ingredientes:
275g de farinha com fermento
125g de açúcar
100g de manteiga sem sal à temperatura ambiente
1 colher de chá de canela
1 colher de chá de gengibre em pó
1 colher de chá de erva-doce em grão
raspa de 1 limão
1 ovo médio
60g de melaço (mel de cana)


1. Misturar numa taça a farinha, açúcar, canela e gengibre. Adicionar a manteiga e trabalhar a mistura até ficar uma areia grossa.

2. Adicionar a raspa de limão, o ovo e o melaço. Trabalhar muito bem a massa. Formar uma bola, envolver com papel e levar ao frigorífico durante 30 minutos.

3. Pré-aquecer o forno a 200ºC.

4. Estender a massa numa superfície polvilhada com farinha. Com um corta corta-bolachas cortar a massa com 4 a 5mm de espessura. Colocar em tabuleiros forrados com uma folha de papel vegetal.

5. Levar ao forno durante 12 minutos. Retirar do forno, deixar arrefecer e guardar em caixas.


Estas bolachas ficam muito saborosas. Nota-se a presença do melaço e de vez em quando encontramos um grão de erva-doce que nos surpreende o palato.

Em 2012, espero que os livros nos continuem a fazer companhia. Os livros e as receitas.

Um beijinho a todos.

15 comentários:

  1. Gosto destas bolachas mesmo sem as ter provado. E tenho um enorme frasco de melaço lá em casa à espera de ser utilizado, pelo que me parece que esta receita é perfeita para isso.

    Quanto à lista de livros, este ano tive sorte pois fui comprando aquilo que queria ler (devia era estar a ler livros relacionados com a tese em ergonomia e não com a culinária, mas enfim, há que estabelecer prioridades, lol!) e ainda tenho muita coisa para ler, mas como resolução de ano novo, vou tentar focar-me mais na tese e menos na leitura prazeirosa :(

    ResponderEliminar
  2. duas coisas que eu também adoro.
    livros e bolachinhas.
    Beijos docinhos
    Sílvia
    Bom ano 2012!!!

    ResponderEliminar
  3. Ler, comer, dormir, ouvir musica... ai como gostava de estar de férias... O ritmo não há meio de abrandar e as 24 horas do dia não chegam para tudo o que queria fazer...

    Gostei muito da receita das bolachinhas!!

    Bjinhos

    ResponderEliminar
  4. Por acaso estava a pensar na tua lista de objectivos...
    Não foi mal de todo
    Beijinhos e BOM ANO
    (as bolchinhas são um miminho muito simpático

    ResponderEliminar
  5. Terminei ontem de ler a Viagem dos cem passos. Logo desde o início me pareceu muito cinematográfico, não achaste?
    Beijo.
    Boas leituras, boas receitas e bons momentos para 2012!...
    Babette

    ResponderEliminar
  6. Ficaram lindas, adorei os bonequinhos juntos das bolachas :)

    Melaço nunca comi, mas também devem ficar bem com mapple syrup :)

    ResponderEliminar
  7. Ficaram muito bonitas as tuas bolachinhas!

    ResponderEliminar
  8. Ola, Isabel
    Hoje fiz o seu bolo de medronho!!!
    Ja esta no meu blogue, Obrigada:)

    ResponderEliminar
  9. Laranjinha, ficaram maravilhosas como sempre.
    Adoro o cenário que montaste para as fotos, lindo!
    Beijinhos e bom ano!

    ResponderEliminar
  10. Coisas Minhas e da Cozinha,
    A ideia do cenário era criar uma floresta com boncecos de neve! :) Também gostei do resultado final. Muito obrigada.


    Ramona Alina,
    fiquei muito contente que tenhas feito o bolo de medronhos. Fica muito bom, não fica?

    Luísa Alexandra,
    muito obrigada.

    Diogo,
    o melaço consegues encontrar nos supermercados na zona dos produtos ditos naturais. Podes substituir o melaço por maple syrup, água de mel ou até mesmo por mel.

    Babette,
    achei sim. Achei que dará um excelente filme.

    Mané,
    ao longo desta semana irei fazendo o balanço do ano e dos objectivos. Estas bolachinhas ficam mesmo uma delícia.

    Vera Ferraz,
    nesta altura do ano gosto tanto de tirar férias. Não vou para lado nenhum. Fico em casa. Gosto desta altura do ano, mas acho que também é bastante cansativa.

    Sílvia Paiva,
    os livros são um vício e acompanhados com bolachinhas, são ainda melhores! :)

    Ondina,
    vais gostar destas bolachinhas, de certeza. Como eu te compreendo em relação aos livros e aos deveres!

    Um beijinho e votos de um excelente 2012.

    ResponderEliminar
  11. Desde pequena que não há nada que me alegre mais do que receber livros! Receber e oferecer, é um presente que vale sempre mais. :)
    Amiga, fico de sorriso aberto de ver o Velocidade Colher aqui na tua lista. :))
    Li o My Life in France há uns anos e tb gostei muito. Lembro-me bem de como me senti envolvida na vida fascinante da Julia.
    Quero muito ter o Papa Quilómetros - é mais um que engrossa a lista!
    Bj grande.

    ResponderEliminar
  12. Olá Susana,
    fico de sorriso largo ao saber que gostaste de ver o teu livro aqui. Para mim, foi um orgulho poder acompanhar um bocadinho deste momento tão importante da tua vida.
    Vais gostar do Papa-Quilómetros.

    Um beijinho e votos de um 2012 cheio de sucessos.

    ResponderEliminar
  13. Ola',
    adorei estas bolachas! Obrigado e bom ano!
    O Ricardo tentou varias vezes fazer crer que era ele o autor das mesmas, ate que descobri este site :)...

    Carlos

    ResponderEliminar
  14. Olá,
    também gostei muito destas bolachinhas ... são viciantes mas realmente estava a estranhar a qualidade das mesmas tendo o Ricardo afiançado que foi ele a faze-las afinal fui ludibriado pelo mesmo, afinal ele copiou a receita daqui. :)

    Hugo

    ResponderEliminar
  15. O Ricardo chegou lá ao escritório a dizer que quase tinha sido proibido de trazer as bolachas porque eram as que tinham saído mal... Se aquelas eram as que saíram mal, imagino como estavam as que saíram bem! É que as que chegaram ao escritório não estavam boas, estavam no ponto certo e acabaram mesmo por originar um "sugar rush" em mim...

    Sempre que as coisas saírem assim mal, nós fazemos o sacrifício de as comer lá no escritório. Não queremos que outras pessoas tenham de se sujeitar a tão más bolachas ;)

    R "cookie monster" M

    ResponderEliminar