quarta-feira, 16 de Julho de 2014

Locais que me inspiram ...


As cidades escondem locais secretos que nos inspiram. Gosto de andar a pé por Lisboa. De olhar para o Tejo, de ver o pôr-do-sol de uma das suas sete colinas. Gosto dos cheiros de Lisboa. Gosto da frescura do rio com fragrância salgada a mar a lembrar-me o sabor das ostras, do aroma quente no Outono vindo dos assadores de castanhas que invadem as ruas da baixa, do cheiro doce dos pastéis de nata perfumados com canela saboreados num dos jardins da cidade. As ruas estreitas dos bairros típicos, os elétricos amarelos, a luz que nos enche a alma e nos recebe de braços abertos, fazem de Lisboa uma cidade cheia de locais inspiradores.

A American Express desafiou-me a divulgar os locais que me inspiram em termos gastronómicos, nas cidades de Lisboa e Porto. Locais especiais, vividos, que me despertem os sentidos e que associe ao mundo da comida. Este desafio foi também lançado a outros bloggers portugueses de música, moda e lifestyle.

Para este desafio preciso da vossa ajuda. Que locais vos inspiram em termos de comida nas cidades de Lisboa e do Porto? Locais que associem a um prato, onde gostem de comer uma sandes, um mercado de rua que vos leve a cozinhar?

Os locais inspiradores não podem ser espaços comerciais. Podem ser ruas, mercados de rua. Têm que ser locais da cidade que vos atraiam por algum motivo especial, sempre com ligação à comida. Não podem ser museus ou monumentos. Devem ser locais com profusão de aromas, cheiros a pão acabado de fazer, a café fresco moído na hora, a misturas exóticas de especiarias, um sítio onde gostem de parar para se sentar e comer ao ar livre. Locais que vos inspirem, mas com ligação à comida.

Digam-me, através dos comentários a este apontamento, quais são os vossos locais inspiradores, em Lisboa ou no Porto. Estou curiosa em descobri-los também.

32 comentários:

  1. No Porto, sem dúvida, toda a área à volta do Mercado do Bolhão, as mercearias do século passado, a casa das sementes, tudo! O cheirinho a café acabado de moer... do pão que veio de Bragança de manhã cedo, os queijos...
    No mercado de Estarreja, ao sábado, o cheiro a rojões das tripas (e dos outros) acabados de fazer e que se vendem avulso nos talhos.
    Não sei se era isto que querias, são estes sítios que me agradam :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria,
      muito obrigada. Adoro as mercearias antigas junto ao mercado do Bolhão. Os cheiros dos enchidos, da fruta madura, são inspiradores.
      Fiquei curiosa com o mercado de Estarreja.
      Gostei muito dos sítios que escolheste.
      Um beijinho

      Eliminar
  2. Adoro o Jardim Marcelino Mesquita que é um jardim situado na Praça das Amoreiras. Tem sombras grandes de árvores centenárias... é bom para almoçar.
    O miradouro do Torel é ótimo para descontrair contemplando Lisboa ...comer um geladinho ou beber uma limonada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Filipa,
      obrigada. Com o que calor que está que bem que sabia um gelado saboreado a ver Lisboa.
      Um beijinho.

      Eliminar
  3. Os pastéis de Belém, ainda quentinhos e com canela, têm outro sabor quando os saboreamos no Jardim de Belém, com vista para o Tejo.
    Um beijinho Laranjinha
    Sandra Marques

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sandra,
      como eu adoro pastéis de Belém e assim comidos ao ar livre, a ver o Tejo, sabem ainda melhor.
      Obrigada
      Um beijinho.

      Eliminar
  4. Querida Laranjinha,
    Adoro o miradouro da Graça e beber uma imperial acompanhada de uns tremoços. Uma das minhas vistas preferidas é do outro lado do rio, na rua do Ginjal, junto ao elevador panorâmico de Almada, comer uma fatia de bolo de agrião e beber um sumo de laranja. A vista para Lisboa é linda!
    Dulce Martins

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Dulce,
      houve uma altura em que passava muito aos fins-de-semana pelo Miradouro da Graça. Adoro a vista. E uma imperial, à sombra dos pinheiros que lá estão, sabe ainda melhor.
      Fiquei curiosa com a vista do Ginjal para Lisboa.
      Obrigada
      Um beijinho.

      Eliminar
  5. Gosto de passar os fins de tarde no jardim junto ao quiosque Clara Clara, a beber uma limonada gelada.
    Cristina Pureza

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Cristina,
      fiquei curiosa com o local que referes. Tenho que passar por lá.
      Uma limonada fresquinha, que bem que agora me sabia.
      Obrigada.
      Um beijinho

      Eliminar
  6. Alameda Keil do Amaral, no Parque Florestal do Monsanto. É o local perfeito para um piquenique e tem óptimas infraestruturas.

    http://www.cm-lisboa.pt/equipamentos/equipamento/info/alameda-keil-do-amaral

    beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isabel,
      é mesmo o local perfeito para um piquenique.
      Obrigada.
      Um beijinho

      Eliminar
  7. A pastelaria versailles em lisboa e o magestik no porto. Óptimo para os meus gulosos.

    letrademedico.blogs.sapo.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Letra de Médico,
      muito obrigada. São duas sugestões muito especiais.
      E que outros locais, sem serem espaços comerciais o inspiram em Lisboa ou no Porto, com ligação à comida? Uma rua, um mercado, um local com uma vista bonita com associação a cheiros e sabores?
      Um beijinho.

      Eliminar
  8. O "novo" Mercado da Ribeira, agora que foi renovado, com os seus novos restaurantes, é um local onde apetece ficar e saborear novos pratos. Também o Castelo de S. Jorge é um local bastante inspirador, com uma vista deslumbrante sobre a cidade de Lisboa e onde sabe tão bem beber um refresco ou tomar um café, contemplando essa magnífica vista da capital. ;)
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Célio,
      muito obrigada. E que outro local, sem ser um espaço comercial, sugeres para quem goste comer, por exemplo, ao ar livre?
      A vista do Castelo de S. Jorge é linda.
      Um beijinho

      Eliminar
  9. O mercado do Bom Sucesso, que alia as antigas bancas de venda com restaurantes e com um Hotel fantastico, o Hotel da Musica.
    EM Gaia temos ainda o Resturante Taberna da Villa, que é uma antiga casa com um jardim fabuloso e onde se pode almoçar e jantar debaixo de videiras e limoeiros.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Rosa,
      nas últimas vezes que estive no Porto,acabei por passar pelo mercado do Bom Sucesso. Gosto imenso.
      Taberna da Villa, obrigada pela sugestão.
      Um beijinho

      Eliminar
  10. Mercado biologico no Parque da cidade do Porto, e ao lado tem uma esplanada e restaurante, tudo muito aromático, divinal :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá,
      obrigada. Fiquei curiosa com o mercado e com a esplanada.

      Eliminar
  11. A minha sugestão é a renovada Ribeira das Naus em Lisboa. Um local delicioso que oferece um ambiente muito descontraído junto ao rio com espaços verdes para pic-nics e esplanadas confortáveis para apreciar o sol.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Velvetsatine,
      adoro a zona da Ribeira das Naus. A vista para o Tejo, as esplanadas, os espaços relvados, merecem mesmo uma visita.
      Obrigada.
      Um beijinho.

      Eliminar
  12. Rua Garrett, em Lisboa, passar pela Casa Pereira e sentir aquele cheirinho do café acabado de moer... perdermo-nos nas montras replectas de chocolates e trazer umas "farripas de chocolate amargo com laranja cristalizada" para dar ao pai :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lipa,
      adoro a Rua Garrett. Merece sem dúvida uma visita.
      Obrigada
      Um beijinho

      Eliminar
  13. Querida Laranjinha,
    adoro comer um gelado Santini e passear pela rua Garret até ao Chiado. Ou comer um pastel de Belém sentada na estação fluvial de Belém.
    Comer scones na esplanda do restaurante Darwins ou na Fortaleza do Guincho, no Inverno, a ver a mar.
    Gosto muito de comer ouriços da Fernanda, doces típicos, no promontório da Ericeira.
    Um beijinho.
    Rosário Cruz

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Rosário,

      muito obrigada. Tenho que voltar à Ericeira.
      Um beijinho grande.

      Eliminar
  14. Adoro fazer compras no mercado biológico do Príncipe Real e tomar café na esplanada do quiosque. Sabe mesmo bem.
    Gostei muito de fazer um piquenique em Monsanto ou comer uma fatia de pizza a ver o Tejo junto ao Cais das Colunas.
    Gosto de ir comer croissants ao Careca, no Restelo. E gosto mesmo muito de ir jantar ao Sem Nome!

    Marta Chambel

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Marta,

      fiquei curiosa com os croissants do Careca. Adoro ver o Tejo do Cais das Colunas.
      Um beijinho grande.

      Eliminar
  15. Porque não atravessar o douro e ir a Gaia, junto ao cais de Gaia temos óptimos restaurantes e tasquinhas. Mais á frente temos os restaurantes na Afurada onde o peixe e o marisco da costa são uma delicia, muito fresco e bem confecionados.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Conceição,
      nos últimos tempo tenho ido com regularidade ao Porto. Adoro a zona do Cais de Gaia e já tive a sorte de comer bom peixe num dos restaurantes na Afurada, zona que merece uma visita.
      Obrigada.
      Um beijinho.

      Eliminar
  16. Chego atrasada mas aqui vão as minhas 3 sugestões para a cidade Invicta. ;)
    Um passeio pela mercado do Bolhão e pelas lojas e mercearias, na área envolvente, é obrigatório. Os cheiros, os sabores e as cores não deixam ninguém indiferente.
    Em seguida, sugiro uma vista ao Berdinho, no Centro Comercial Bombarda. Um mercado rural, do género dos que vemos em Londres e noutras cidades europeias, onde podemos comprar legumes, fruta, cogumelos, compotas, pão, bolos, bolachas, chocolate e muito mais. Todos sábados, a partir das 12h, podemos encontrar diferentes produtores no CCB.
    Por fim, recomendo o Mercado Biológico no Parque da Cidade. É uma espécie de dois em um: uma ida às compras e um passeio pelo parque.
    Espero ter ajudado. ;)
    beijinhos

    ResponderEliminar
  17. Gosto de miradouros. Pela sua habitual amplitude e pela vista panorâmica. Dos vários fantásticos miradouros existentes em Lisboa, gosto das linhas direitas e clean do miradouro das Portas do Sol!
    E quando os dias solarengos convidam à preguiça, como é bom beber um sumo de melancia fresquinho a acompanhar uma fatia de bolo de cenoura com uma deliciosa cobertura de chocolate preto.
    E ficar a apreciar o Tejo, e Lisboa a entardecer...
    Sandra Mascarenhas Palma

    ResponderEliminar