10h30 - 13h00      Conservas Portuguesas na Ementa
 
15h00 - 17h30      Doçaria Tradicional Portuguesa
Inscrições limitadas   work@sott.pt   91 700 1802 espaço WORK IT

sexta-feira, 4 de Dezembro de 2009

Magret de pato com vinagre balsâmico


Esta foi a primeira vez que fiz magret de pato. Para mim, cá em casa, o uso de pato reduzia-se ao nosso tradicional arroz de pato e pouco mais, situação que ando a procurar alterar.


Ingredientes:
2 peitos de pato
2 colheres de sopa de azeite
4 cebolas pequenas ou chalotas cortadas ao meio
1 colher de sopa de açúcar
1 haste de alecrim
7 colheres de sopa de vinagre balsâmico
6 colheres de sopa de caldo de legumes ou de carne (usei caldo da cozedura de legumes)
1 colher de chá de farinha Maizena
sal
pimenta preta
bagos de romã


1. Saltear as cebolas no azeite. Adicionar o açúcar e mexer.

2. De seguida, adicionar o caldo, o vinagre balsâmico e o alecrim. Deixar cozinhar um pouco em lume médio.

3. Adicionar a farinha Maizena. Mexer e deixar engrossar o molho.

4. Retirar o molho da frigideira e passá-lo num passador de modo a separar a cebola e o alecrim do molho

5. Dar uns cortes na diagonal de modo a fazerem um xadrez, nos peitos de pato.

6. Temperar com sal e pimenta a gosto.

7. Alourar os peitos de pato na frigideira onde se fez o molho, inicialmente em lume forte e depois médio.

8. Servir os peitos de pato cortados com o molho, bagos de romã e arroz branco.

Os bagos de romã combinam de forma agradável com a carne de pato e o molho.


Esta receita foi uma adaptação desta receita.


A carne fica tenra, suculenta. Muito bom. Sem dúvida uma receita a repetir.

12 comentários:

  1. Parece delicioso. Toda a conjugação de ingredientes está perfeita.

    ResponderEliminar
  2. Hummm...que aspecto delicioso.
    Estou inteiramente de acordo, o pato presta-se perfeitamente a outros cozinhados, além do arroz de pato. Por que não inovar?!
    Essa foi uma excelente aposta.

    http://asvezescozinheira.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. que engraçado... até há bem pouco tempo (cerca de 1 semana), o pato para mim só servia para o arroz de pato.. mas também mudei de ideias. Comprei três patos grandes, pedi para separarem o magret e as coxas. A carcaça e os miudos congelei para fazer uma canja, ou então cozer e fazer uma tarte folhada de pato! Fica muito mais em conta do que comprar somente os magrets.

    ResponderEliminar
  4. Lindo aspecto, combinação maravilhosa de ingredientes!
    Bjs

    ResponderEliminar
  5. Eu nunca comi ... mas depois disto ... eu quero muito comer!!!

    ResponderEliminar
  6. LINDO ASPECTOOOOO!!!! ADOREIII onde compro essa carne?! eu peço assim no talho? (ja ontem perguntei a uma menina..) beijokas

    ResponderEliminar
  7. Estou como tu estavas. Pato cá em casa só entra praticamente para arroz porque é o prato preferido do marido e como já são poucas as vezes que o faço, se ele vê outro destino para o dito, há problemas na certa. : )
    Mas tenho que experimentar fazer em casa e essa receita parece-me excelente!
    Bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
  8. Oi
    Essa delicia
    agora tenho que
    experimentar.
    Obrigada pela
    receita.
    Beijos...
    Lúcia.

    ResponderEliminar
  9. Olá,
    Adorei esta receita,porque cá em casa pato,estou como tu.Pato cá em casa só entra para o arroz de pato que è o prato preferido do meu filho.Mas gostei bastante desta receita vou experimentar mesmo que faça só para dois:)parece-me uma óptima receita.

    Bjinhoss

    Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  10. Eu adoro magret de pato, mas sou suspeita pois prefiro carnes sem osso :) A receita parece-me muito boa e claro que não vou resistir a experimentá-la.
    Bjs
    Moira

    ResponderEliminar
  11. Where do you get those fantastic images?

    ResponderEliminar
  12. mengagumkan
    kayaknya rasanya enak banget deh

    ResponderEliminar