Próximos Workshops
Lisboa 4 de Dezembro de 2016
Domingo:
10h00 - 13h00      Doces Tradicionais de Natal
Inscrições: escola@istofaz-se.pt   218 078 640 IstoFaz-se
Lisboa 10 de Dezembro de 2016
Sábado:
10h30 - 13h30      Receitas para a Mesa de Natal
 
 
14h30 - 17h30      Presentes de Natal
Inscrições: formacao@acpp.pt   21 362 2705 ACPP

quinta-feira, 1 de julho de 2010

Torradas de queijo de cabra com mel e alecrim

Há uns tempos atrás fui jantar, numa sexta-feira, com uns amigos (Sandra, Joana, Carlota e Nuno) ao restaurante Taberna Ideal, na Rua da Esperança, cá em Lisboa. O restaurante procura recriar o ambiente das antigas tabernas, algumas das mesas têm tampo de mármore, pratos do tempo das nossas avós, alguns da antiga fábrica de cerâmica de Sacavém, quadro de ardósia com a ementa e alguns elementos de decoração dos anos 60 e 70. À excepção da Coca-Cola, todos os produtos servidos são nacionais. Para além disso, fazem questão que os empregados de mesa sejam chamados pelos nomes próprios.

Nós só conseguimos reservar mesa no segundo turno da noite, por isso começámos a jantar por volta das 23 horas. Apesar de estarmos um pouco desgostosos com a hora a que começámos a jantar e pelo facto de o restaurante não ter multibanco, acabámos por nos render à comida. Muito boa, desde as entradas (tiborna de queijo de cabra com alecrim e mel, salada de fígado de aves, salada de endívias com queijo), passando por um magnífico arroz de coelho com bastante tomate, um bife do lombo, choco guisado até às sobremesas, que tivemos a possibilidade de partilhar segundo o espírito do restaurante.

Uma das entradas que pedimos foi a tiborna e fiquei com vontade de a experimentar em casa.

Torrei cinco fatias de pão. Depois coloquei queijo chèvre (usei Palhais) e folhas de alecrim fresco. Levei novamente à torradeira para o queijo derreter. Servi as torradas regadas com mel.

Eu usei a torradeira, pois tenho uma torradeira tipo industrial, daquelas que encontramos nos cafés, mas poderão usar o forno.

Uma delícia. O mel combina muito bem com o queijo chèvre e o alecrim dá-lhe um aroma muito agradável.

15 comentários :

  1. Sendo eu perdidinha por queijo, só posso apreciar estas belas torradas :)

    ResponderEliminar
  2. De aspecto está 5* e fiquei com vontade de experimentar em casa e de ir a esse restaurante.

    O pão é daquele tipo alentejano não é?

    ResponderEliminar
  3. Costumeo fazer uns folhadinhos de chévre e mel com folhinhas de tomilho fresco. Tb fica muito bom! Experimenta que eu prometo experimentar com o alevrim, ok?
    babette

    ResponderEliminar
  4. Oi
    Eu adoro comer fora
    mais tenho preguiça
    de ficar esperando
    por um lugar.
    Parece ser muito
    gostosa essa tiborna.
    Beijos...
    Lúcia.

    ResponderEliminar
  5. Faz-me lembrar, umas tostas que se come no Magnólia!São de queijo brie, mel, nozes e rosmaninho.Uma delícia!!!
    Essa tenho que experimentar.

    Bjs

    ResponderEliminar
  6. tao bom.
    ja tenho agua na boca
    :-)

    ResponderEliminar
  7. Uma sugestão muito tentadora sem dúvida...
    Já está aqui guardada...
    Obrigado por partilhares...
    Beijinhos...

    ResponderEliminar
  8. Poe tentadoura nisto!!!
    Estas com um belo visual.
    Bjs

    ResponderEliminar
  9. Todos os ingredientes são alguns dos meus favoritos e até fiquei a salivar...
    Beijinhos,
    Lia.

    ResponderEliminar
  10. Só o nome da receita faz crescer água na boca. Vou experimentar. Fiz uma receita parecida, mas não tinha pão: trouxinhas de massa filo com queijo lá dentro e regadas com mel.
    Fiquei com vontade de conhecer o restaurante.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  11. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  12. Hummm! Parece-me muito bem.
    Esta receitinha é bem ao meu gosto.

    ResponderEliminar
  13. Queijjo, pão e mel... Combinação que eu gosto muitooooooo :)
    Bjos!

    ResponderEliminar