Próximos Eventos
Lisboa 11 de Dezembro de 2016
Domingo:
10h30 - 11h30      Pequeno-almoço no dia de Natal na loja Maria Granel
Lisboa 11 de Dezembro de 2016
Domingo:
16h30 - 17h15      Showcooking bolo coroa de Natal
Lisboa 18 de Dezembro de 2016
Domingo:
10h30 - 12h00      Presentes de Natal na mercearia Morteiro & Santos

sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Rabanadas de Natal


Dezembro já cheira a Natal. Na mesa, o bacalhau da consoada regado com bom azeite e o peru recheado assado no forno são parte da nossa tradição. Mas para mim não há Natal sem os doces típicos desta quadra festiva. O Natal não seria o mesmo sem os sonhos, os fritos de abóbora que todos os anos se fazem seguindo uma receita de família, o arroz-doce polvilhado com canela, o bolo-rei e um prato de rabanadas ou fatias douradas. Este ano a Canderel desafiou-me a recriar um doce tradicional de Natal. A minha escolha foram as rabanadas. Adoro, até para comer ao pequeno-almoço com um café. Sabem mesmo bem!


Rabanadas de Natal

Ingredientes para 10 rabanadas:
1 pão tipo cacete
350 ml de leite
20 g de Canderel sucralose granulado
2 tiras de casca de limão
1 pau de canela
3 ovos médios
Óleo de amendoim para fritar q.b.
35 g Canderel açúcar mascavado com stevia
Canela em pó q.b.


1. De véspera, cortar o pão em fatias, na diagonal, com aproximadamente 1,5 cm de espessura. Dispor o pão cortado num tabuleiro sem o sobrepor e tapar.

2. Colocar o leite com o Canderel sucralose granulado, o pau de canela e a casca do limão, num tacho. Levar ao lume até começar a ferver. Retirar do lume e deixar arrefecer um pouco.

3. Mergulhar as fatias de pão no leite. Colocar a escorrer.

4. Bater os ovos. Passar as fatias pelos ovos batidos.

5. Fritar o pão em óleo quente (170ºC), virando as fatias para que fiquem douradas de ambos os lados. Não fritar muitas de cada vez.

6. Colocar as fatias a escorrer em papel absorvente, à medida que se fritam.

7. Num prato, misturar o Canderel açúcar mascavado com stevia com a canela em pó.

8. Ainda quentes, passar as fatias pela mistura anterior.


Estas rabanadas ficam doces, mas sem o peso calórico do açúcar. Experimentem!

21 comentários :

  1. Adoro esse formato redondinho! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cozinha100segredos,
      é do pão de cacete. Ficam umas rabanadas tão bonitas.
      Um beijinho.

      Eliminar
  2. Muito boa ideia para alegrar o Natal dos diabéticos cá de casa!
    Ficaram tão lindas, estas rabanadas!...
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Paula,
      obrigada. E ficam tão boas!
      Um beijinho.

      Eliminar
  3. Ficaram fantásticas,...
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    http://strawberrycandymoreira.blogspot.pt/
    www.facebook.com/omeurefugioculinario

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mary,
      obrigada. Adoro vê-las assim douradinhas!
      Um beijinho.

      Eliminar
  4. Além de bonitas... são deliciosas....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria,
      adoro rabanadas. E com um café, maravilha!
      Um beijinho.

      Eliminar
  5. Olá Izabel... acompanho as suas receitas sempre com água na boca, e um brilho no olhar ao ver fotos sempre tão bonitas....
    Uma pergunta: Por que o pão fatiado de véspera? algum segredinho que possa nos revelar?

    Um abraço!!
    Juliana
    Petrópolis, RJ

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Juliana,
      o pão fatiado de véspera fica mais sequinho. Absorve melhor o leite.

      Eliminar
  6. Adoro!

    Cá em casa Natal sem rabanadas não é Natal. É uma excelente ideia para quem não pode comer rabanadas com açúcar. Gostei muito.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Receitas de Sedução,
      adoro rabanadas e estas ficam mesmo boas.
      Um beijinho.

      Eliminar
  7. Hmm, que bom aspecto! Adoro doces de Natal, e as rabanadas são indispensáveis :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bonne Femme Kitchen,
      cá em casa também. Natal tem que ter rabanadas. Adoro.
      Um beijinho.

      Eliminar
  8. Isabel, o único doce de natal, que não consigo dispensar sao as rabanadas, nem é por as comer no dia, mas sim pelo prazer de as comer ao pequeno almoço mornas com o café com leite, e está receita é o ideal, sem açucar mas doces, vou experimentar, tenho a certeza que me vão saber muito bem.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria,
      cá em casa gostámos muito desta versão. Adoro rabanadas com café. Sabem tão bem!
      Um beijinho.

      Eliminar
  9. Obrigada Laranjinha. O meu marido adora rabanadas e há 2 meses foi lhe diagnosticado diabetes. Tenho Stevia e não sabia como utilizar. Estava com pena dele mas vou fazer lhe uma grande surpresa!!!!!

    ResponderEliminar
  10. Estando numa de corte de calorias sem perder sabor, será que estas rabanadas podem ser feitas no forno?
    beijos e festas felizes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Elisa,
      penso que sim. O Canderel usado é indicado para bolos, por isso pode ir ao forno.
      Um beijinho e Feliz Natal.

      Eliminar
  11. Olá Isabel: sou há muito leitora do seu blogue (e agora dos livros) mas só hoje vim deixar um comentário. Pela primeira vez fiz rabanadas e segui esta receita. Ficaram bonitas e recolheram elogios. Muito obrigada e bom ano.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Documentar Mundo,
      muito obrigada. Fico muito contente que tenham gostado das rabanadas. Adoro esta receita.
      Um beijinho e bom ano de 2016.

      Eliminar