quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Risotto de caril vermelho


Para o jantar de amigos na passada sexta-feira resolvi fazer um risotto com pasta de caril, o que para mim foi uma novidade.


Segui as orientações da receita original, mas como quase sempre, fiz as minhas adaptações:

Ingredientes:
3 chalotas picadas
2 dentes de alho picados
1,5 dl de azeite
1 tomate grande bem maduro
1 colher de chá de pasta de caril vermelho
1 colher de sopa de gengibre ralado
1 colher de chá de paprika
1,5 dl de vinho branco
150 g de cogumelos shiitake cortados
350 g de arroz para risotto
800 g de camarão com a casca
200 ml de leite de coco
180 g de ervilhas congeladas
1 L de caldo de camarão (aprox.)
1 raminho de coentros picados
sal
1 limão cortado aos gomos ou em rodelas (facultativo)


1. Cozer o camarão com a casca. Descascar os camarões e reservar. Triturar as cascas e as cabeças. Coar o caldo.

2. Num tacho colocar o azeite, as chalotas, o alho, o gengibre, o tomate limpo de peles e sementes. Deixar refogar um pouco.

3. Adicionar a paprika, a pasta de caril e o arroz. Mexer e refrescar com o vinho branco.

4. Adicionar os cogumelos e o leite de coco. Deixar cozinhar uns minutinhos e acrescentar um pouco de caldo de camarão. Adicionar um pouco de sal.

5. Juntar as ervilhas. À medida que o arroz vai cozendo, adicionar pouco a pouco caldo de camarão. Uns minutinhos antes de arroz estar cozido, juntar o miolo de camarão.

6. Antes de servir, juntar um ramo de coentros picados. Servir com gomos ou rodelas de limão.


O risotto ficou muito bom. A pasta de caril e o leite de coco marcam a diferença neste risotto. Cá em casa, foi um sucesso!

Como o risotto é um prato que não pode esperar pelos convidados, eu comecei por preparar o arroz antes dos convidados chegarem e parei no passo 3. Quando já estávamos sentados à mesa, quase a terminar as entradas, fui para a cozinha finalizar o risotto.

12 comentários:

  1. babei...babei...babei....

    Ficou um arrozinho maravilhoso e super apetitosos amiga fique a babar para o pc!isto dà caboe de mimmmmm

    Beijinhosssssssssssss

    ResponderEliminar
  2. Para mim está perfeito, adoro caril :)

    ResponderEliminar
  3. Adorei a ideia de colocar carril no risoto! Ficou lindo1
    bjs

    ResponderEliminar
  4. Estou aqui de boca aberta e só consigo dizer...parabéns por esta delicia, ficou fantásticamente irresistivel.

    Beijinhos!!!

    ResponderEliminar
  5. Laranjinha:
    A isto eu chamo verdadeira comida de fusão!
    Um risotto italiano com a pinta indiana.... e feito por uma portuguesa!
    beijo
    Babette

    ResponderEliminar
  6. De certeza que desse "risotto" não sobrou nada, para contar a história. Nem era preciso, pois as fotos contam-na toda e acho que até com os aromas! Já há muitos anos que não faço pratos com caril, porque o marido não aprecia. Mas eu gosto bastante desde que não seja muito forte. Fazes a pasta de caril, ou compras feita? estou mesmo com vontade de experimentar! Bjs. Bombom

    ResponderEliminar
  7. Olá, nós somos Menina do Cupcake! Estamos passando por aqui pra divulgar nosso novo Blog de nosso mais novo negócio na venda de cupcakes. Somos de Nova Iguaçu, Rio de Janeiro e estamos nos preparado para isso. Adoramos isso aqui e esperamos que também nos curtam. Obrigada. Beijos e muitas delícias! :]
    http://meninadocupcake.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  8. Huuuummmm!!! Que delícia!!
    Adorei este risotto logo quando o vi o 1º post. Cá em casa gostamos imenso de caril e quero imenso experimentar este risotto, mas esta pasta de caril vermelho não conheço. Faz-se ou é de compra?
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  9. Bombom e Nelinha,
    a pasta de caril vermelha que usei foi de compra. Encontra-se facilmente à venda nas grandes superfícies.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  10. a mim faria suceso tambem sou louca por arroz. nao parece porque quase nao publico nada mas adoro:-)

    ResponderEliminar
  11. Experimentei fazer este risotto, e fiquei completamente rendida. Amei este risotto, é muito saboroso, o caril e o leite de côco fazem a diferença. É simplesmente fabuloso, de comer e suplicar por mais.

    ResponderEliminar