Próximos Workshops
Lisboa 8 de Dezembro de 2016
5a-feira:
17h00 - 18h00      Entradas e Petiscos para a Ceia de Natal na loja Maria Granel
Lisboa 10 de Dezembro de 2016
Sábado:
10h30 - 13h30      Receitas para a Mesa de Natal
 
 
14h30 - 17h30      Presentes de Natal
Inscrições: formacao@acpp.pt   21 362 2705 ACPP
Lisboa 11 de Dezembro de 2016
Domingo:
10h30 - 11h30      Pequeno-almoço no dia de Natal na loja Maria Granel

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Vamos fazer pão: Pão de abóbora assada


Gosto tanto de fazer pão em casa. Colocar a farinha numa taça. Juntar água, sal, fermento e amassar. Hoje em dia temos máquinas que amassam e que nos poupam trabalho, mas adoro colocar as mãos na massa e esticá-la, dobrá-la e voltar a esticá-la. Gosto deste ritual. Sinto uma ligação muito especial ao ritual de fazer pão.

Para fazermos pão em casa podemos usar dois métodos. O método directo que é juntar todos os elementos numa taça, amassar, levedar e vai para o forno ou então usar o chamado método indirecto.

O método indirecto consiste no uso dos pré-fermentos. Os pré-fermentos, tentado explicar de forma muito simples, são porções de massa que são deixadas a levedar e que depois se juntam à preparação final do pão. Como pré-fermento temos o poolish, que já expliquei aqui como se prepara. E temos também a biga. Este pré-fermento é muito usado pelos padeiros italianos e é essencial na preparação de algumas variedades de pão. A hidratação (quantidade de água) pode variar entre os 45% e os 60%. A fórmula que uso para preparar a biga é a seguinte:

100% de farinha
60% de água
1% de fermento

O uso de pré-fermentos torna o pão muito mais saboroso, com uma textura muito diferente daquela que se consegue pelo método directo. O uso dos pré-fermentos exige que se dê mais tempo às massas. Se repararem, não nos dá mais trabalho. É apenas uma questão de organização. Fazer pão em casa torna-se tão fácil assim. Quem aceita o desafio? Vamos Fazer Pão?



Pão de abóbora assada

Ingredientes para a biga:
200 g de farinha de trigo T65
120 g de água
2 g de fermento seco de padeiro


1. Colocar os ingredientes numa taça e mexer muito bem.

2. Tapar a taça com película aderente e deixar levedar durante 12 horas.

Costumo preparar de véspera, à noite, e usar na manhã seguinte.


Ingredientes para o pão
230 g de abóbora manteiga assada
10 g de sal fino
Toda a massa da biga
200 g de farinha de trigo T65
100 g de farinha de espelta
3 g de fermento seco de padeiro
50 ml de água morna


1. Triturar a abóbora assada até obter um puré.

2. Adicionar o sal, a biga, as farinhas e o fermento. Mexer.

3. Adicionar um pouco de água e começar a amassar.

4. Amassar durante 10 minutos. Ir acrescentando a restante água aos poucos.

5. Formar uma bola com a massa. Tapar e deixar levedar em local abrigado durante 1h30 a 2 horas.

6. Com a ajuda de um pouco de farinha, enrolar um pão redondo. Colocá-lo num cesto polvilhado com farinha. Tapar e deixar levedar durante 1 hora.

7. Vinte a vinte e cinco minutos antes do fim do tempo, pré-aquecer o forno a 230ºC com um tacho de ferro fundido lá dentro, com a respectiva tampa.

8. Colocar o pão no tacho. Se necessário sacudi-lo um pouco para o compor. Tapar e levar ao forno durante 30 minutos. Fazer esta operação com cuidado pois o tacho esta mesmo muito quente.

9. Retirar a tampa ao tacho e deixar ganhar cor durante 20 minutos.


Para assar a abóbora costumo descascá-la, cortá-la em cubos. Coloco-a num tabuleiro, rego com um pouco de azeite e levo ao forno pré-aquecido a 200ºC durante aproximadamente 30 minutos. Depois de começarem a fazer pão em casa, acho que dificilmente voltam a olhar para o pão da mesma forma. Experimentem!

7 comentários :

  1. Respostas
    1. Obrigada Susy,
      Fazer pão em casa é tão bom.
      Um beijinho.

      Eliminar
  2. Maravilhoso!!!! as não tenho tacho de ferro, não se pode arranjar outra alternativa????? Está lindo este pão!!!!!!

    ResponderEliminar
  3. Adoro abobora, vou experimentar este pão de certeza. a minha mãe tem forno de lenha e fazemos sempre o pão caseiro :-) Beijinhos e parabéns

    ResponderEliminar
  4. Que bom, se bem q eu, pessoalmente, acrescentaria uma ou outra especiaria p dar outro aroma ;)

    ResponderEliminar
  5. Este pão têm uma cor linda deve ser muito bom.Eu todas as semanas faço pão integral mas não fica tão bonito como este.
    Beijinhos
    https://asreceitasdasisi.blogspot.pt/

    ResponderEliminar