segunda-feira, 21 de Junho de 2010

Bacalhau cozido com chícharos

Em casa dos meus pais já ouvi imensas vezes falar de chícharos, especialmente nos almoços com o meu avô Júlio, que ao contar algumas das suas histórias acrescenta, muitas das vezes, aspectos gastronómicos. Apesar de já ter ouvido falar e de saber que Alvaiázere organiza o festival gastronómico do chícharo, nunca me lembro de ter comido ou até mesmo de ter visto. Por certo, quando era miúda devo ter comido, pois os meus pais dizem que em Santarém, antigamente, eram muito comuns, mas que agora raramente se encontram, pois caíram em desuso.

Depois do fim-de-semana por terras do sotavento algarvio, pedi aos meus pais para me arranjarem os famosos chícharos e estes, simpaticamente, assim fizeram. Contentíssima trouxe um saco de chícharos comigo. Passado algum tempo, ainda o saco de chícharos descansava na minha despensa, a minha mãe perguntou-me como é que tinha cozinhado os chícharos, ao que eu respondi que ainda não os tinha feito. Esta sua questão deixou-me cheia de dúvidas: - eu, que queria tanto os chícharos agora não sei como é que os irei cozinhar. Chícharos comem-se como? Há alguma receita tradicional de chícharos? Mas de que forma é que eu irei cozinhar os chícharos?

Num dos almoços de fim-de-semana perguntei como é que antigamente se comiam os chícharos. O meu pai respondeu-me que os chícharos se cozinham tal e qual como o grão-de-bico. Que devem ser demolhados e depois cozidos. E falou-me de forma elogiosa de bacalhau cozido com chícharos e de arroz de chícharos. A minha primeira receita de chícharos recai então numa das sugestões do meu pai.


Ingredientes:
2 postas de bacalhau
2 ovos
250 g de chícharos
1 cebola
um raminho de salsa
sal
azeite & vinagre
pimenta de moinho

1. De véspera demolhar os chícharos. No dia seguinte colocar os chícharos numa panela, adicionar água e um pouco de sal. Levar ao lume até estarem cozidos. Depois de cozidos, escorrer a água.

2. Cozer as postas de bacalhau e os ovos.

3. Picar a cebola e a salsa para uma taça.

4. Servir os chícharos com os ovos e o bacalhau. Servir polvilhado com a mistura de cebola e salsa e, temperado com pimenta, azeite e vinagre a gosto.

Os chícharos convenceram-me. Em termos de sabor sinto algumas dificuldades em descrevê-lo, no aspecto e na textura apresenta semelhanças com o tremoço, mas ao mesmo tempo não está muito distante do grão-de-bico.


25 comentários:

  1. Andamos a evoluir no empratamento, sim senhora! ;)

    ResponderEliminar
  2. Está com um belo aspecto e eu adoro bacalhãu com grão de bico.....mas chícharos aqui na minha terra não tem nada a ver com os que utilizou na receita...mais tarde poderei postar uma foto do que nós aqui chamamos chícharos...
    beijinho

    ResponderEliminar
  3. ai que delícia

    há pelo menos um mês que ando com una vontade duma posta de bacalhau!

    lindo!

    p.s. esta foto do ovo é de matar :)

    ResponderEliminar
  4. Ainda ontem a minha mãe falou dos chícharos! :)
    Que fotos deliciosas.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Os chícharos lembram-mo os tremoços no aspecto, mas nunca provei e só conheci através dos blogs :)

    ResponderEliminar
  6. Lindooooo, fiquei babando aqui, adorei sua receita! Bjinhos

    ResponderEliminar
  7. eu grao adoro ams chicaros tamebm nunca comi
    mas que parecm mesmo com o grao e verdade
    beijinhos e boa semana

    ResponderEliminar
  8. Nunca comi nem me lembro de ter visto chícharos alguma vez, mas já ouvi falar deles algumas vezes. Agora que têm uma cor linda, têm! São parecidos com o grão e as tuas fotos, como sempre, ficaram uma maravilha. Tenho a impressão de que os chícharos e o feijão frade são considerados comida de pobre e por isso caíram em desuso. Será que me engano? Mas afinal está provado pelas tuas fotos que comida de pobre não existe! É preciso é cozinhar o tempo certo com o tempero e o acompanhamento devidos.Bjs. Bombom

    ResponderEliminar
  9. Olá Tuquinha,

    fiquei curiosa com o que aí em Mirandela chamam chícharos.

    Antes de publicar o post, fiz uma pesquisa no Google e apareceram-me ervilhas e feijão-frade :)

    Um beijinho,

    ResponderEliminar
  10. lá por casa, costumamos ter chícharos todos os anos, até congelamos. mas só os conheço em tom verde. estes eram secos?

    ResponderEliminar
  11. E eu vi o nome da receita e pensei: chícharos? Que é isso? lol, na minha terra chaman-se tremoços!
    Optimo aspecto!!! :)

    ResponderEliminar
  12. Não é a mesma coisa que tremoço! Em Alvaiázare e aqui à volta (Ansião, Penela) tb se utiliza. Fazem de tudo com eles: sopa, tartes, migas,... É uma questão de gostos! Na sopa gosto. Já na tarte... Não sabe a nada!!! Só a doce! ;)

    ResponderEliminar
  13. Melancia,
    estes eram secos, mas não eram verde!

    Pami Sami,

    os chícharos secos assemelham-se aos tremoços pela forma arredondada. No entanto, cozidos não são tão laranja e a consistênca é muito diferente.

    Amora,
    aí na região há algum livro de receitas dedicado ao chícharo?

    Obrigada pelos vossos comentários,

    Um beijinho,

    ResponderEliminar
  14. Olá Bombom,

    confesso que dos chícharos sei muito pouco e mesmo fazendo uma pesquisa no google não encontrei nada de especial. Mas é bem provável que tenha entrado em desuso por ser um alimento das gentes mais pobres, mas não sei.

    Um beijinho para si,

    ResponderEliminar
  15. Olá Laranjinha,
    No Alentejo constumam juntar os chicharos a ensopado de borrego! fica muito bom.
    eu também costumo fazer chícharos com ovos, em vez das tradicionais ervilhas! o tempo de cozedura é maior!

    ResponderEliminar
  16. Já ouvi muita gente de Mirandela a falar de chíraros; 'tchitcharos' como eles pronunciam.
    Tchitcharos com couve é uma das coisas que comiam amiúde antigamente. Comiam-no assim, sem carne, como prato completo.
    Já experimentei feijão(frade) com couve; também é bom, mas continuo curioso para experimentar os tchitcharos :)

    ResponderEliminar
  17. Melancia,

    obrigada pelas sugestões. Fiquei curiosa. Acho que as vou experimentar.

    Constancio,
    muito obrigada pelo seu comentário. Chícharos com couve, também me parece muito bem, regados com azeite ... hummm.

    ResponderEliminar
  18. Olá, Laranjinha! De facto, não sei se há algum livro dedicado às receitas com chícharo. Vou tentar descobrir!

    Bons cozinhados!

    ResponderEliminar
  19. Olá!! Eu, outra vez!!
    Não é muito, mas espreita aqui:
    http://www.cm-alvaiazere.pt/FileControl/Anexos/Receitas.pdf

    ResponderEliminar
  20. Olá Amora,

    muito obrigada. Já descarreguei o pdf e gostei das receitas.

    Um beijinho,

    ResponderEliminar
  21. Olá...
    Viver e aprender é o meu lema.
    Hoje aprendi que chicharos, para além de uma designação do carapau, se tiver acento no -i passa a ser uma leguminosa.
    Nunca provei, fiquei curiosa.
    Já agora aproveito para lhe dizer que adoro o seu blog, visito-o diariamente e tenho procurado nele a imaginação que me falta para confecionar refeições saudáveis e semi-dieta.
    Vou continuar a segui-la.

    ResponderEliminar
  22. "Anónimo",
    muito obrigada. Espero que volte.
    Boa semana.

    ResponderEliminar
  23. estou com ideia de de fasez chicharos com bacalhau pas pessoas amigas francesas, mais encontro uma dificuldade bem grande, nâo sei a quantidade de se deve contar por pessoa
    se alguém o sabe pois agradço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Anónimo,

      pode utilizar aproximadamente 100g de chícharos (antes de serem demolhados) por pessoa.

      Espero ter ajudado.


      Um beijinho.

      Eliminar
    2. obrigada pela sua ajuda, pois vou tentar assim,tenho 12 pessoas a almoçar no domingo e também espero que fiquem a gostar dos chicharos eu comi a 1era vez em sainta caterina da serra a uns 4anos, nâo conhecia e adorei

      um grande abrasso Maria

      Eliminar