Próximos Workshops
Lisboa 4 de Dezembro de 2016
Domingo:
10h00 - 13h00      Doces Tradicionais de Natal
Inscrições: escola@istofaz-se.pt   218 078 640 IstoFaz-se
Lisboa 10 de Dezembro de 2016
Sábado:
10h30 - 13h30      Receitas para a Mesa de Natal
 
 
14h30 - 17h30      Presentes de Natal
Inscrições: formacao@acpp.pt   21 362 2705 ACPP

quarta-feira, 6 de março de 2013

Restaurante Populi e um passeio por Lisboa


Passear, por Lisboa, em dias de sol é um verdadeiro prazer para mim. Gosto da luz que a cidade emite, do modo como se reflecte nos edifícios. Gosto de passar pelas floristas, de ver os homens-estátua na Rua Augusta e de ver o ar feliz dos turistas que passam.

E foi assim num dia de sol, convidativo a um passeio que fui conhecer o restaurante Populi, que abriu o ano passado e tem na cozinha o chef Luís Rodrigues.

Nesse dia, Lisboa cheirava a flores e no ar uma brisa amena fazia-nos sonhar com os dias felizes de Primavera. O Tejo, ao fundo, corria em silêncio e contava segredos de outros tempos aos transeuntes que por momentos se sentavam nos degraus de mármore do Cais das Colunas e olhavam ao fundo o Cristo Rei e a Ponte 25 de Abril. Na Praça, a estátua de D. José I contemplava serena toda a agitação desta cidade que deve a Ulisses a sua fundação.


Quando recebi o convite para este almoço, sabia da existência de alguns restaurantes na ala nascente do Terreiro do Paço, e das bonitas esplanadas que ajudam a dar vida a esta praça mas ainda não tinha tido a oportunidade de os descobrir.

Cheguei ao Populi, já depois das duas da tarde. A azáfama na esplanada era muita e no restaurante, tal como o Ricardo e eu, ainda chegavam vários clientes para almoçar. O restaurante tem dois pisos e está decorado de forma elegante de modo a proporcionar momentos de bem estar à mesa com os amigos.

Assim que nos sentámos podemos degustar azeitonas com orégãos e pimenta em grão servidas com cubos de gelo, pão de alfarroba e foccacia de azeite e alecrim, manteiga e azeite com vinagre balsâmico. Eu adorei as azeitonas e não resisti a molhar o pão no azeite. É tão bom! Ovo de codorniz com tártaro de tomate, presunto e molho holandês foi a nossa entrada. Uma combinação fresca, com diferentes texturas que nos abriu o apetite para o que se iria seguir.


De seguida saboreámos um creme de couve-flor com amêndoa e caviar. A cada colherada as bolinhas de caviar saltitavam na boca e no fim, sobressaia a textura da amêndoa. Que surpresa boa este creme. Quando passarem pelo Populi têm que experimentar. Se Ulisses voltasse a sair da Odisseia e regressasse a esta cidade, por certo gostaria de provar este creme que o chef Luís Rodrigues tão bem confeccionou.


O prato de peixe foi bacalhau confitado com puré de grão, servido com cenoura, bok choy e decorado com pele de tomate desidratada. Os legumes estavam crocantes e ajudaram a dar textura ao prato. Nas carnes, foi-nos servido um naco do lombo com arroz cremoso de cogumelos, uma opção que resulta sempre bem. A carne estava suculenta e os cogumelos davam um toque muito especial ao arroz.


Para sobremesa deliciámo-nos com uma mousse de chocolate com frutos vermelhos, praliné e azeite. Os frutos vermelhos contrastam de forma deliciosa com o sabor intenso do chocolate e o toque final do azeite coloca esta sobremesa num outro nível. A cozinha do chef Luis Rodrigues vive de alguns sabores que não dispensa nos seus pratos, o azeite é um deles.


Os vinhos fazem parte da decoração do restaurante. E este gosto pelo vinho reflecte-se na carta. Para além de apresentar uma razoável variedade, com vinhos de várias regiões do país, apresenta também rótulos de França, Espanha e Argentina. Têm também a opção vinho a copo e até se pode comprar para levar. Acompanhámos a nossa refeição com um copo de vinho tinto da Quinta dos Carvalhais.


No final pedi para consultar a carta e gostei do modo original como está organizada, da Horta, de Itália, do Mar e do Prado. Para além destas opções, apresenta também várias propostas de petiscos para enganar a fome e acompanhar um copo de vinho, quem sabe a meio da tarde, num bonito dia de sol, depois de um passeio por Lisboa.

4 comentários :

  1. Muito a meu gosto. Paragem obrigatória da próxima vez que for a Lisboa. Anotadíssimo.

    ResponderEliminar