quarta-feira, 15 de maio de 2019

Caril de couve-flor com batata-doce e grão-de-bico


Festeja-se, hoje, o Dia da Família. A família é o nosso pilar, no bons e nos maus momentos. No Natal, o melhor presente é estar com a família, com aqueles com quem contamos. É à família que queremos contar, em primeiro lugar, as coisas boas que nos acontecem. É com eles que queremos viver e partilhar a nossa alegria. São eles que nos dão força quando vacilamos. São eles que nos apoiam quando achamos que não vamos conseguir.

Cuidar, é um verbo que associo a ter família. A família são laços de amor incondicional para a vida. Sobre este tema, José Luís Peixoto, um autor português que muito admiro, escreveu assim:

« (...)
na hora de pôr a mesa, éramos cinco:
o meu pai, a minha mãe, as minhas irmãs
e eu. depois, a minha irmã mais velha
casou-se. depois, a minha irmã mais nova
casou-se. depois, o meu pai morreu. hoje,
na hora de pôr a mesa, somos cinco,
menos a minha irmã mais velha que está
na casa dela, menos a minha irmã mais
nova que está na casa dela, menos o meu
pai, menos a minha mãe viúva. cada um
deles é um lugar vazio nesta mesa onde
como sozinho. mas irão estar sempre aqui.
na hora de pôr a mesa, seremos sempre cinco.
enquanto um de nós estiver vivo, seremos
sempre cinco. »


in A Criança em Ruínas

E os momentos em família fazem-se, tantas e tantas vezes, à volta da mesa. Seja para partilhar uma refeição seja em dias de festa. A receita que partilho, hoje, convosco, é uma receita para os dias em que em família decidem fazer uma refeição sem carne e sem peixe.


Caril de couve-flor com batata-doce e grão-de-bico

Ingredientes para 4 pessoas:
50 ml de óleo
1 cebola
2 dentes de alho
2 colheres de sopa de garam masala
2 cardamomos
2 colheres de sopa de caril
1 colher de sopa de açafrão-da-índia
75 g de polpa de tomate
400 ml de água
2 batatas-doces
200 ml de leite de coco
400 g de couve-flor cortada em floretes
450 g de grão-de-bico
2 colheres de sopa de coentros picados
Sal e pimenta-preta q.b.


1. Levar um tacho ao lume com o óleo, a cebola picada, os cardamomos ligeiramente abertos e as especiarias. Deixar refogar um pouco.

2. Juntar os dentes de alho picados, a polpa de tomate, água e o leite de coco. Assim que ferver, adicionar as batatas cortadas em cubos. Temperar com sal e pimenta.

3. Assim que as batatas estiverem quase cozidas, adicionar os floretes de couve flor.

4. Quando a couve estiver cozida, adicionar o grão-de-bico. Deixar ferver dois a três minutos.

5. Se necessário rectificar os temperos. Servir polvilhado com coentros picados.


Bom apetite!

8 comentários :

Anjo-de-Mel disse...

Uma forma diferente de comer legumes - gostei :) Bjinhos.

Laranjinha disse...

Anjo-de-Mel,
sim. E fica tão bom.
Um beijinho.

Carla Carreira disse...

Deve ser divinal, ando há tanto tempo para fazer um caril de legumes, esta combinação simples parece-me muito bem! Vou experimentar :)

Laranjinha disse...

Carla,
espero que goste.
Um beijinho.

Mary - Strawberrycandy disse...

Tão bom, deu vontade de provar!
Beijinhos,
Espero por ti em:
strawberrycandymoreira.blogspot.pt
http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

Laranjinha disse...

Obrigada, Mary.
Um beijinho.

Unknown disse...

Parabéns pela receita.
Estou agora a almoçar o Caril de couve-flor com batata-doce e grão-de-bico e está um espetáculo.
Sou sua fã.
Publique mais receitas sem carne nem peixe.
Bjs

Laranjinha disse...

Olá,
muito obrigada.
Fico muito contente que tenha gostado.
Combinado. Vou publicar.
Um beijinho.