terça-feira, 28 de janeiro de 2020

Carne de porco com castanhas


« A nossa maior crueldade é o tempo » diz-nos José Tolentino Mendonça, na obra A Mística do Instante. O tempo é como um relógio invisível que não pára, uma dádiva, está limitado, quer o usemos de forma útil e gratificante, quer não. Vivemos numa sociedade do imediato, de imagens. Uma sociedade que corre, de um lado para o outro, e onde o tempo nunca chega. Nas nossas vidas, há dias em que parece que nunca temos tempo para nada.

Sobre o tempo lembro-me do filme O Preço do Amanhã. Um filme que nos transporta para um mundo em que o tempo passou a ser moeda. Em vez de dinheiro, as pessoas recebem pelo seu trabalho, tempo. Quando vão às compras, pagam com tempo. Um sistema imposto pelos mais ricos, cheios de tempo, que até podem conquistar a "imortalidade", aos mais pobres, que lutam, roubam ou pedem emprestado. Quando ficam sem a moeda tempo, morrem.

E como é que nós aproveitamos o nosso tempo? « A verdade é que precisamos de nos reconciliar com o tempo », aproveitar a « mística do instante », desfrutar da companhia daqueles que nos são próximos, deixar de adiar isto e aquilo. Não conseguimos vencer a corrida contra o tempo. Mas podemos usá-lo de modo a conseguirmos uma existência que nos satisfaz. Ou, pelo menos, tentar.

Nas minhas resoluções de ano novo, decidi aproveitar algum do meu tempo para ler mais, ir a mais eventos culturais, no fundo, tentar desfrutar do meu tempo com mais calma e com actividades que me preencham.

Uma dessas actividades, é também aproveitar o Sábado ou o Domingo, e cozinhar algo mais especial para partilhar com a família. Parar e desfrutar dos momentos, é tão bom! A receita que vos deixo, hoje, carne de porco com castanhas, é uma receita clássica da cozinha portuguesa. Um dos seus segredos, ser cozinhada com tempo. Bom apetite!


Carne de porco com castanhas

Ingredientes para 6 pessoas:
1 kg de carne porco
6 dentes de alho
2 colheres de sopa de massa de pimentão
200 ml de vinho branco
1 folha de louro
1 pitada de piripíri em pó
1/2 colher de chá de cominhos em pó
30 ml de azeite
50 g de banha de porco
50 ml de água
500 g de castanhas (congeladas)
Sal e pimenta-preta q.b.
3 colheres de sopa de coentros picados


1. Cortar a carne em cubos para uma taça.

2. Temperar a carne com os dentes de alho picados, a massa de pimentão, piripiri, cominhos, pimenta e uma pitada de sal. Juntar a folha de louro e regar com o vinho branco. Deixar a carne a marinar durante 1 hora.

3. Escorrer a carne e fritar na mistura de banha e azeite.

4. Juntar o molho da marinada à carne. Tapar o tacho e deixar cozinhar em lume brando, mexendo de vez em quando, durante cerca de 40 minutos.

5. Juntar a água e as castanhas. Deixar cozinhar mais cerca de 15 minutos, ou até as castanhas estarem cozidas.

6. Servir polvilhado com coentros picados.


Para acompanhamento, optem por uma mistura de legumes salteados ou uma taça de salada com mistura de folhas verdes.

9 comentários :

  1. Vou fazer...mais tarde virei aqui! Obrigada pela partilha!

    ResponderEliminar
  2. Gosto tanto dos seus textos!!
    Tão saborosos quanto as receitas♥

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ângela,
      muito obrigada.
      Fico tão contente.
      Um grande beijinho.

      Eliminar
  3. Deve ser a combinação perfeita... vai para a lista dos To Do....

    ResponderEliminar
  4. jantamos hoje este prato, uma delícia mais uma vez, obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá,
      muito obrigada.
      Fico muito contente que tenham gostado.
      Um beijinho.

      Eliminar
  5. As castanhas serão previamente descongeladas ou vão congeladas para a panela?

    ResponderEliminar